PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fellipe Bastos ganha vaga de Camacho e será titular contra a Ferroviária

Fellipe Bastos ganhou a vaga de titular na equipe do Corinthians - Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Fellipe Bastos ganhou a vaga de titular na equipe do Corinthians Imagem: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Diego Salvago

Do UOL, em São Paulo

31/01/2017 17h52

Recém-chegado ao Corinthians, o volante Fellipe Bastos ganhou a vaga de titular de Camacho no último treino do time alvinegro antes do amistoso com a Ferroviária, nesta quarta-feira, em Itaquera.

Fellipe Bastos foi escalado entre os 11 titulares logo no começo do treino comandado por Fábio Carille na tarde desta terça-feira. Ele atuou na segunda linha de quatro da equipe, ao lado de Giovanni Augusto, Marlone e Guilherme, que atuou na vaga de Rodriguinho - o meia se recupera de dores no joelho esquerdo e apenas deu voltas no gramado.

Fellipe apareceu nesta terça-feira no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e poderá atuar na estreia do Corinthians no Campeonato Paulista.
 
Após a atividade desta terça, Camacho disse que a opção de Carille por Fellipe Bastos é normal. Segundo ele, o importante é estar entre os 28 jogadores da lista do Campeonato Paulista.

"Todo mundo trabalha para ser titular. Ele (Carille) vai ter de escolher, todo mundo tem uma sombra. Isso faz bem para o time. Quem ficar de fora (da lista do Paulistão), vai ser difícil. Porque é o primeiro semestre perdido. Por isso estamos dando a vida nos treinos. Estando no grupo está bom", disse o volante.

O Corinthians enfrenta a Ferroviária em amistoso na Arena Corinthians nesta quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília). A estreia corintiana no Campeonato Paulista acontece no sábado, contra o São Bento, em Sorocaba.

O treino

Fábio Carille escalou dez jogadores de linha na primeira parte do treino realizado no CT Joaquim Grava. A equipe tinha Fagner, Balbuena, Pablo e Moisés; Gabriel; Giovanni Augusto, Fellipe Bastos, Guilherme e Marlone; Jô.
 
O time reserva teve Léo Príncipe, Vilson, Pedro Henrique e Marciel; Paulo Roberto; Marquinhos Gabriel, Cristian, Camacho e Romero; Bruno Paulo.
 
Alguns jogadores de linha treinaram à parte com bola: Yago, Jean, Warian, Rodrigo Figueiredo, Mendoza e Luidy, enquanto Cássio treino ao lado de Matheus Vidotto, Caíque e Diego.
 
Na parte final dos trabalhos, Carille comandou um trabalho tático, com posicionamento nas bolas paradas ofensiva e defensiva. O treinador separou os times reserva e titular. 

Futebol