PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras aumenta arrecadação em 78% na Série B, aponta estudo

Mauricio Duarte

Do UOL, em São Paulo

18/12/2013 11h00

O Palmeiras teve um aumento de 78% em relação ao ano passado em sua arrecadação líquida nos jogos como mandante na Série B do Campeonato Brasileiro. É o que diz um estudo realizado pelo Centro de Pesquisas Aplicadas da Trevisan Gestão do Esporte. Em média, o time alviverde arrecadou R$ 139.751 a mais por partida.

“Nos jogos em casa, a média de público pagante do Verdão foi de 14.974 torcedores, superior em 25% em relação à Série A em 2012”, explica José Gabriel Leiva, pesquisador e consultor da Trevisan Gestão do Esporte. “Os números mostram que o torcedor foi ainda mais participativo no momento difícil do clube”, complementa.

Segundo ele, inclusive, essa é uma tendência de clubes grandes que caem para a Série B. Esse fator, aliado ao fato de que a equipe tende a vencer com facilidade, são atrativos para o torcedor, o que aumenta a arrecadação. “Por mais que seja Série B, o desempenho acaba sendo melhor, e leva mais torcida. Tem goleadas etc. O segundo ponto é abraçar o time em um momento difícil, esses fatores combinados servem para todos. Podemos chamar de tendência”, comenta Leiva.

É preciso levar em consideração também que o Palmeiras aumentou o preço dos ingressos no início da competição. O bilhete mais barato chegou a custar R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia-entrada). Desconto somente para idosos, crianças e participantes do Avanti, programa de sócio torcedor do clube.

Em 2013, a Série B gerou uma arrecadação bruta para os clubes de 78% a mais do que em 2012. O aumento de público pagante nos estádios foi de 18%. “A arrecadação líquida total foi de R$ 22.965.456, sendo que a renda obtida pelo Palmeiras representa 26% desse valor”, explica Leiva.

Ainda segundo o estudo, o Palmeiras teve um impacto significativo na arrecadação geral do torneio. Isso já havia acontecido em anos anteriores com grandes times na disputa e deve seguir ocorrendo.

“Das 380 partidas disputadas, o Palmeiras esteve presente em 38, representando 10% do total. Porém, esses jogos geraram R$ 10.939.078 aos clubes, representando 48% da arrecadação líquida da Série B. O clube teve a maior renda líquida, ficando em segundo lugar quanto ao total de público como mandante, atrás do Sport Recife”, diz o estudo.

Na Série A deste ano, o campeão Cruzeiro liderou a bilheteria, levando uma média de 26.955 torcedores aos seus jogos. Já o Corinthians, líder do ano passado, sofreu com perdas de mandos de campo e uma campanha ruim e viu a sua média acumulada de público cair para 24.846.

Futebol