PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Juízes usam sede de campo da CBF para torneio e justificam com parceria em projeto social

Palestra proferida pelo juiz Wilson Witzel (foto) a jogadores sub-17 justificaria o convite  - Rafael Ribeiro/CBF
Palestra proferida pelo juiz Wilson Witzel (foto) a jogadores sub-17 justificaria o convite Imagem: Rafael Ribeiro/CBF

Vinícius Segalla

Em São Paulo

29/09/2011 14h19

A Ajufe (Associação dos Juízes Federais) confirmou que vai realizar, sem nenhum custo, um campeonato de futebol interno para seus associados na Granja Comary, centro de treinamento e concentração da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), em Teresópolis (RJ). A entidade esportiva fornecerá, ainda, material esportivo e hospedagem aos participantes do torneio, que será nos dias 11, 12 e 13 de novembro. A notícia foi publicada pelo diário Lance!.

O episódio vem à tona três dias depois do procurador da República, Marcelo Freire, ter remetido um ofício à Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro determinando a abertura de inquérito contra o presidente da CBF, Ricardo Teixeira. A intenção seria averiguar se Teixeira remeteu dinheiro ilegalmente do exterior para o Brasil

"É preciso que fique claro, porém, que o transporte até o local será pago pelos próprios juízes federais", disse ao UOL Esporte Fabrício Fernandes, vice-presidente da Ajufe e juiz federal da 2ª Região (Rio de Janeiro). De acordo com o magistrado, o convite da CBF é fruto de uma relação amistosa entre as duas entidades, que nasceu de projetos sociais feitas em parceria.  O principal deles seria o "João de Barro".

"Trata-se uma iniciativa que trabalha com crianças vítimas de prostituição infantil. Elas aprendem a fazer esculturas de barro, que são expostas e comercializadas em aeroportos", contou Fernandes, explicando também que a CBF custeia o projeto, e a ideia é que as peças de barro estejam presentes nos aeroportos das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, no Brasil. O projeto já teria dois anos, e esta seria a primeira vez que a associação de juízes utiliza a Granja Comary.

Outra parceria entre as duas entidades, diz o vice-presidente da Ajufe, é a que promove palestras ("feitas gratuitamente", destaca Fernandes) dos magistrados sobre temas como cidadania e responsabilidades para os jogadores da seleção sub-17. "Nossos associados se disponibilizam a dar palestras sobre cidadania, direitos e responsabilidades aos atletas", afirmou o magistrado, acrescentando que novas palestras sobre diferentes temas deverão ocorrer em breve.

BLOG DO JUCA

CBF patrocina torneio de futebol entre juízes federais; olho neles

De concreto, porém, de acordo com notícia publicada no site da CBF no dia 9 de junho deste ano, o que houve foi uma palestra, ministrada por Wilson José Witzel, diretor esportivo da Ajufe. A plateia eram os atletas da seleção sub-17 que estavam às vésperas de embarcar para o México, onde disputariam a Copa do Mundo da categoria. Não há, ao menos oficialmente, datas programadas para mais palestras. 

Dentro da Ajufe, o convite para os juízes que participariam do campeonato na propriedade da CBF partiu de Wilson Witzel. “O torneio ocorrerá nos dias 11, 12 e 13 de novembro. A hospedagem e o material esportivo para os jogadores ficará [sic] por conta da CBF”, disse o diretor esportivo da Ajufe.

Procurada, a CBF não se pronunciou sobre o assunto

Esporte