PUBLICIDADE
Topo

"Pedi aos jogadores para que não fosse de 10", diz técnico do Panamá

Técnico do Panamá, Hernan Dario Gomez, observa o duelo contra a Inglaterra - DIMITAR DILKOFF/AFP
Técnico do Panamá, Hernan Dario Gomez, observa o duelo contra a Inglaterra
Imagem: DIMITAR DILKOFF/AFP

Do UOL, em São Paulo (SP)

24/06/2018 11h26

Classificação e Jogos

Mesmo goleado por 6 a 1 pela Inglaterra, o Panamá deixou o gramado do Estádio de Nizhny Novgorod orgulhoso. Além de marcar o primeiro gol do país em uma Copa do Mundo, o time foi aprovado pelo técnico Hernán Dario Gomez. Na visão do treinador, o massacre seria ainda pior se a equipe não estivesse organizada durante o segundo tempo.

Copa-2018: Assista aos gols de Inglaterra 6 x 1 Panamá

Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

“Pedi aos jogadores para que não fosse de 10 [gols sofridos], não é uma equipe desordenada. Era para ser até 10, mas foi seis. Tudo para nós aqui é duro, é novo”, declarou o comandante na saída do gramado, orgulhoso com a atuação da etapa final.

“Resgato dos jogadores que eles não deixaram meter 10 gols ingleses, porque a partida estava para isso. Não perderam a ordem e ainda marcaram seu primeiro gol em Mundial”, complementou.

O Panamá estreou na Copa do Mundo justamente na edição russa da competição. A despedida da equipe da Concacaf está marcada para o dia 28, data do jogo contra a Tunísia, válida pela terceira rodada do grupo G.

Panamá