PUBLICIDADE
Topo

Argentina

Maradona quer falar com os jogadores para tentar salvar a Argentina

Maradona manda a beijo a torcedores durante o jogo entre Argentina e Croácia - Ricardo Mazalan/AP
Maradona manda a beijo a torcedores durante o jogo entre Argentina e Croácia Imagem: Ricardo Mazalan/AP

Do UOL, em São Paulo

23/06/2018 18h13

Classificação e Jogos

Inconformado com a campanha da Argentina e o risco de eliminação na primeira fase, Maradona quer ter acesso ao treino da bicampeã mundial para conversar com os jogadores e, acredita, recuperá-los para o jogo decisivo, contra a Nigéria.

Culpados ou inocentes? O peso de craques como Messi e Neymar em Copas
Argentina: reunião com Sampaoli para negar rumores de motim de atletas
Simule resultados da última rodada e quem vai às oitavas

"Eu dei a minha vida todas as vezes em que pude vestir a camisa da Argentina", afirmou Maradona, estrela da equipe campeã mundial em 1986. "Lendas como Simeone, Redondo, Ruggeri, Canniggia, Fillol, Luque e Gallego fizeram exatamente o mesmo. Eu quero poder falar com os jogadores e fazê-los entender o que significa vestir a camisa da seleção", afirmou.

Maradona tem feito duras críticas ao técnico Jorge Sampaoli, principalmente depois da derrota por 3 a 0 para a Croácia. Com um ponto, os argentinos precisam de uma vitória na terceira rodada e ainda assim dependerão do resultado da Islândia contra a já classificada Croácia.

A Argentina enfrenta a Nigéria às 15h de terça-feira, em São Petersburgo.

Argentina