PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Borja dá susto; rachão termina com conversa entre F. Melo e preparador

Borja deixou o treinamento mais cedo nesta terça-feira - José Edgar de Matos/UOL Esporte
Borja deixou o treinamento mais cedo nesta terça-feira Imagem: José Edgar de Matos/UOL Esporte

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

23/05/2017 17h22

Um momento de preocupação e outro amistoso marcaram o último treinamento do Palmeiras antes do jogo decisivo contra o Atlético Tucumán-ARG, válido pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. O colombiano Miguel Borja sentiu o joelho esquerdo e deixou a atividade antes do fim. O camisa 9 agora é dúvida para o confronto desta quarta.

Borja se machucou após dividida com o goleiro Daniel Fuzato. O colombiano ainda tentou retornar à atividade, mas deixou o rachão poucos minutos depois, com a expressão de dor. Fernando Prass e Oscar Rodríguez, preparador de goleiros, mostraram preocupação na caminhada do colombiano rumo à parte interna.

O centroavante se dirigiu à parte interna acompanhado do médico Gustavo Magliocca e passará por uma avaliação mais detalhada nas próximas horas na Academia de Futebol.

Apesar do susto com o colombiano, até então garantido como titular para o confronto no Allianz Parque, a atividade terminou em clima de paz entre os atletas e a comissão técnica.

O volante Felipe Melo e o preparador físico Omar Feitosa, que discutiram junto com Cuca no rachão da última segunda, conversaram separadamente e se cumprimentaram de maneira amistosa.

Felipe Melo Omar Feitosa conversam Palmeiras - José Edgar de Matos/UOL Esporte - José Edgar de Matos/UOL Esporte
Felipe Melo e Omar Feitosa conversaram depois da atividade
Imagem: José Edgar de Matos/UOL Esporte

A cena presenciada pela imprensa procura encerrar o caso ocorrido na última segunda, quando Omar Feitosa, Felipe Melo e Cuca discutiram veementemente após o final do ‘rachão’. O preparador físico, inclusive, recebeu uma bronca do treinador pelo novo entrevero público.

Em campo, Cuca realizou um trabalho no qual manteve a equipe ensaiada na última segunda-feira, com Róger Guedes entre os titulares. Poupado da atividade do dia anterior por sofrer com o desgaste muscular, Willian trabalhou normalmente nesta terça. Hyoran, com dores no joelho, realizou trabalho na parte interna.

O Palmeiras decide nesta quarta-feira a classificação ao mata-mata da Libertadores. O atual campeão brasileiro soma 10 pontos e lidera o Grupo 5. Até uma derrota por um gol de diferença classifica a equipe comandada por Cuca às oitavas de final. Mais de 33 mil ingressos foram vendidos.

Futebol