PUBLICIDADE
Topo

Carioca - 2019

Heroi da vitória, Galhardo não iria para o jogo no Vasco: "Queria vir"

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/01/2019 19h02

Autor do gol da vitória do Vasco por 1 a 0 sobre o Madureira na estreia na Taça Guanabara, o meia Thiago Galhardo não iria ser relacionado para a partida deste sábado. O jogador estava no grupo separado pela fisiologia para ter um tempo de preparação maior assim como o atacante Maxi López e Bruno César, que não jogaram. No entanto, uma lesão do atacante Caio Monteiro fez com que ele fosse para a partida.

Ainda fora do seu nível físico ideal, o jogador iniciou a partida no banco de reservas e entrou em campo aos 21 minutos do segundo tempo. Um minuto depois, fez seu belo gol.

"Ficou todo mundo me questionando de vir para o jogo, mas teve um imprevisto com o Caio Monteiro. O Alberto Valentim falou comigo, disse que fisicamente eu estava um pouco acima dos outros, mas como teve essa situação, perguntou se podia contar comigo e eu disse que sim. O Madureira abriu as portas para mim em 2015. É um clube que gosto muito. Eu queria vir aqui, pedi para minha família comparecer e eles compareceram", declarou ao Sportv.

Mais do que a atuação, Thiago Galhardo enalteceu os três pontos conquistados neste início de Campeonato Carioca, quando a equipe ainda está em preparação.

"Eu joguei aqui em 2015 e o campo estava muito bom, mas hoje estava um pouco ruim. Tentamos impor nosso jogo, ficar com a bola, mas foi o primeiro jogo, temos menos tempo de preparação que eles. Nosso time está se conhecendo agora, peças novas, molecada subindo da base... Começar vencendo é muito bom para o nosso objetivo da temporada", destacou.

Nesta quarta-feira, pela segunda rodada, o Vasco recebe o Volta Redonda, às 21h30, em São Januário.