PUBLICIDADE
Topo

Espanhol - 2019

Técnico do Real minimiza pressão antes de clássico: "Não vou morrer"

Julen Lopetegui concede entrevista na véspera de duelo com Barcelona - Gabriel Bouys/AFP
Julen Lopetegui concede entrevista na véspera de duelo com Barcelona Imagem: Gabriel Bouys/AFP

Do UOL, em São Paulo

27/10/2018 12h04

Pressionado por conta de um péssimo início de temporada do Real Madrid, o técnico Julen Lopetegui tentou manifestar tranquilidade em meio a várias perguntas sobre o seu futuro no clube neste sábado (27), um dia antes do clássico contra o Barcelona, no Camp Nou, pela décima rodada do Campeonato Espanhol. 

"Espero seguir respirando. Creio que não vou morrer. Cada pessoa tem 100% de energia, e os meus 100% estão concentrados em ajudar a equipe a fazer uma grande partida", afirmou o treinador ao ser questionado pela primeira vez na entrevista coletiva se teme perder o emprego em caso de derrota para o arquirrival.

"Estou concentrado unicamente no meu trabalho como treinador, e não no que diz você ou outra pessoa. Me concentro em coisas que possam nos ajudar a melhorar e fazer um grande jogo. Tenho 100% de energia e não gasto 0,01% dela para responder a esta pergunta", acrescentou, diante da insistência dos jornalistas no assunto.

Lopetegui, que assumiu o cargo no meio do ano, depois de deixar a seleção espanhola a poucos dias da estreia na Copa do Mundo, ainda reiterou que há um bom ambiente no vestiário merengue. "Eles (jogadores) confiam em mim, e eu confio mais neles. Importante ratificar que estamos trabalhando bem e duro, com vontade de dar uma grande alegria à torcida", afirmou.

Já quando perguntado sobre o peso do clássico espanhol, o técnico afirmou que "toda partida é importante para um treinador". Em seguida, no entanto, reconheceu: "Mas um Barça x Real é incomparável. Em termos de audiência e nível, é o maior jogo em que já trabalhei".

Sétimo colocado do Espanhol, com 14 pontos, o Real enfrenta o Barcelona, líder com 18, neste domingo, às 12h15 (de Brasília), no Camp Nou.