PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Fred e Diego Souza terminam artilheiros do BR e escancaram erro do Flu

MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC
Imagem: MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

13/12/2016 06h00

O Fluminense terminou o Campeonato Brasileiro na 13ª posição com um jejum de vitórias que chegou a dez jogos. A principal falha do time é a dificuldade em fazer gols e, curiosamente, o Tricolor teve no elenco na atual temporada dois jogadores que deixaram o clube e terminaram como artilheiros da competição: Fred e Diego Souza, ambos com 14 gols.

O primeiro a deixar o clube foi Diego Souza,que não estava feliz no Fluminense e pediu para voltar ao Sport. Naquele momento, vale ressaltar, o camisa 10 não vivia bom momento e fez com que o Tricolor não fizesse muita questão em segurar o atleta.

Diego queria ser o protagonista no Fluminense,que jogava em função de Fred, no clube desde 2007. Sem conseguir o brilho esperado, o apoiador pediu para voltar a Recife, onde é ídolo dos rubro-negros pernambucanos.

O problema é que Fred também acabou deixando o clube meses depois. O Fluminense via o salário do atacante muito alto e preferiu abrir mão do jogador. Oficialmente o clube alega vontade do atleta em sair.

Já o camisa 9 explica que realmente ficou com vontade de sair, mas somente após a diretoria deixar claro que ele tinha virado um peso para o clube. Assim, Fred buscou a saída e encontrou o que queria no Atlético-MG.

O fato é que a dupla obteve fora do clube o sucesso que o Fluminense não conseguiu na temporada. Os dois terminaram o Brasileiro como artilheiros e viram de longe o Tricolor sofrer na reta final da competição. Muito porque os substitutos não funcionaram, caso de Henrique Dourado.

Para a próxima temporada, o Fluminense tem como objetivo uma reformulação completa no futebol. Da diretoria aos jogadores. Um centroavante está em pauta. Agora mais que nunca.

Esporte