Topo

Futebol Americano


O que esperar de Cairo Santos, o único representante brasileiro na NFL

Cairo Santos em ação pelo Tampa Bay Buccaneers contra o Cleveland Browns; brasileiro defende hoje o Tennessee Titans - Will Vragovic/Getty Images/AFP
Cairo Santos em ação pelo Tampa Bay Buccaneers contra o Cleveland Browns; brasileiro defende hoje o Tennessee Titans Imagem: Will Vragovic/Getty Images/AFP

Lucas Tieppo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/09/2019 04h00

Único jogador brasileiro na NFL, Cairo Santos ficou poucos dias desempregado. Cortado pelo Tampa Bay Buccaneers no último fim de semana, o kicker foi anunciado pelo Tennessee Titans nessa quarta-feira (5). Assim, ganhou a chance de se firmar novamente na principal liga de futebol americano do mundo.

Cairo foi contratado para substituir Ryan Succop, titular do time nas últimas cinco temporadas e dono de bons números na liga. Apesar do status, o antecessor do brasileiro acabou colocado na lista de machucados por conta de uma lesão no joelho.

O brasileiro assinou contrato por uma temporada com salário de 805 mil dólares, mas nada garantido. A única certeza que Cairo tem é que vai defender os Titans até a oitava rodada da temporada regular. Depois disso, Succop pode ser recolocado no elenco.

Cairo disputou a vaga na franquia com Cody Parker e ganhou o contrato por ter melhor desempenho nos treinos. Apesar de estar em uma equipe que dificilmente chegará aos playoffs, o brasileiro terá pelo menos oito jogos para mostrar que segue confiável e que pode assinar um contrato mais longo.

Desde que se foi cortado pelo Kansas City Chiefs em 2017 por causa de uma lesão, Cairo não conseguiu se firmar na NFL. O brasileiro passou ainda na mesma temporada pelo Chicago Bears, mas fez apenas dois jogos e acabou cortado novamente.

Em 2018, Cairo assinou com o New York Jets, mas acabou dispensado antes do começo da temporada. Depois, ele passou pelo Los Angeles Rams, fazendo apenas mais dois jogos, e pelos Buccaneers, disputando sete jogos na temporada passada. Tinha contrato para a atual temporada, mas acabou cortado depois de perder a disputa na pré-temporada para o novato Matt Gay.

Nos Bucs, Cairo apresentou bons números durante a pré-temporada, mas foi pouco usado nos jogos e foi acionado apenas para chutes de curta distância.

O brasileiro tem média de 83,2% de acerto nos field goals desde que entrou na liga. Succop tem números parecidos com Cairo - 83,6%.

A estreia de Cairo será neste domingo, às 14h, contra o Cleveland Brown, fora de casa.

Quais as chances dos Titans?

Os Titans disputam a divisão sul da Conferência Americana da NFL e disputaram uma vaga nos playoffs com Indianapolis Colts, Houston Texans e Jacksonville Jaguars. A equipe é considerada pelos analistas norte-americanos a quarta força da divisão. Nas última três temporadas, o time teve nove vitórias e sete derrotas, mas só foi aos playoffs em 2017.

Naquele ano, o Tennessee venceu o jogo de Wild Card, mas acabou derrotado pelo New England Patriots na rodada seguinte.

Destinos cruzados

Os destinos de Cairo Santos e Ryan Succop parecem cruzados na NFL. Pela segunda vez na carreira, o kicker brasileiro vai substituir o norte-americano em uma franquia da liga, desta vez no Tennessee Titans.

Em 2014, o mesmo aconteceu no Kansas City Chiefs. Succop era o kicker do time, mas acabou derrotado na disputa com o novato Cairo, que ganhou a vaga no elenco dos Chiefs, clube que defendeu até 2017.

Na época, Cairo teve grande desempenho nos treinos, superou o veterano e contou também com o fator financeiro. Como não foi draftado pelos Chiefs, o brasileiro tinha um salário bem mais baixo que o rival, que deixou os Chiefs e logo assinou com os Titans.

Band: Carli Loyd converte field goal de 55 jardas em treino

Band Sports

Futebol Americano