Topo

Futebol Americano


Astro da NFL causa polêmica, ameaça dirigente e pode perder R$ 122 milhões

Antonio Brown aquece antes de jogo de pré-temporada do Oakland Raiders contra o Arizona Cardinals - Christian Petersen/Getty Images/AFP
Antonio Brown aquece antes de jogo de pré-temporada do Oakland Raiders contra o Arizona Cardinals Imagem: Christian Petersen/Getty Images/AFP

Lucas Tieppo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

06/09/2019 12h00

A situação de Antonio Brown, um dos melhores e mais polêmicos jogadores da NFL, está chegando perto do insustentável no Oakland Raiders. A ponto de Brown e o general manager da franquia, Mike Mayock, quase saírem na mão ontem (5), durante discussão. Isso pode fazer com que o atleta perca R$ 122 milhões.

Isso porque, segundo a ESPN norte-americana, a franquia avalia suspender Brown e deixá-lo fora do início da temporada. Com isso, o jogador poderia também perder o dinheiro garantido que tem a receber pelo contrato assinado. A quantia é de 30 milhões de dólares, equivalente a R$ 122 milhões.

As regras da NFL sobre a conduta dos jogadores mostram que um atleta pode ser suspenso por até quatro semanas caso seus atos prejudiquem a imagem da franquia. Caso isso aconteça, é praticamente inviável a permanência de Brown no elenco dos Raiders mesmo depois do fim do prazo.

A mais nova polêmica do jogador teve origem em multas de 54 mil dólares por conta de suas ausências durante a pré-temporada. Revoltado com as punições, Brown publicou em seu Instagram a carta assinada por Mayock. "Quando até seu time é contra... mas nada vai me parar agora. Estamos entendidos", escreveu o camisa 84.

Brown recebeu duas multas: uma de quase 14 mil dólares por se ausentar dos treinos no dia 22 de agosto e outra de 40 mil dólares por não aparecer na franquia no dia 18 de agosto.

Na quarta, o jogador e Mayock se encontraram no centro de treinamentos dos Raiders e, segundo Ian Rapoport, da NFL Network, Brown teria ameaçado bater no dirigente, chutou a bola na direção dele e o mandou multá-lo por isso também. A discussão aconteceu na frente dos outros jogadores do elenco, e alguns deles tiveram que segurar Brown.

Está é mais um capítulo das recentes polêmicas do astro. Desde que assinou contrato por três anos com os Raiders, o jogador foi protagonista de algumas confusões.

Primeiro se apresentou com lesões nos dois pés por conta de um tratamento de crioterapia realizado na França. Por isso, ficou duas semanas afastado das atividades.

Depois, Brown se recusou a aceitar a mudança de capacete exigida pela liga, ameaçou até se aposentar e se ausentou de diversos treinamentos da pré-temporada.

O jogador entrou na justiça duas vezes contra a liga para seguir usando o capacete que acabara de ser proibido por questões de segurança, mas perdeu em ambas, sendo obrigado a utilizar um novo equipamento.

Band: Carli Loyd converte field goal de 55 jardas em treino

Band Sports

Mais Futebol Americano