PUBLICIDADE
Topo

Marília Ruiz

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Marília Ruiz: SP também antecipará público em eventos-teste

Marília Ruiz

Tenho 20 anos de jornalismo esportivo: 5 Copas do Mundo, 4 Olimpíadas, muitos Brasileiros, alguns Mundiais e várias Copinhas. Neste blog seguirei fazendo isso: escrevendo sobre futebol. Sem frescura. Sem mimimi. Para versões oficiais dos clubes e atletas, recomendo procurar as assessorias de imprensa.

14/09/2021 20h55

Pelo menos dois testes esportivos com público estão previstos para o próximo mês no Estado de SP. O número de "ensaios" pode chegar a quatro: seriam treinos para o GP de Interlagos.

É (só) essa informação que os clubes de SP (cinco da Série A) já têm para "devolver" à reunião marcada para o próximo dia 28, quando os clubes da Série A discutirão mais uma vez a volta da torcida a partir da 23ª rodada.

Por isso, seguem as negociações com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico para tentar flexibilizar a medida que beneficiaria 5 clubes paulistas no Campeonato Brasileiro: Bragantino, Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo. Prevista para novembro, a volta geral do público a grandes eventos no Estado será liberada apenas em novembro, segundo o Plano SP de combate à pandemia do novo coronavírus.

Segundo ata assinada por 19 dos 20 presidentes dos times da Primeira Divisão depois do Conselho Técnico da semana passada, os jogos poderão voltar a ter torcida a partir da 23ª rodada desde que haja permissão das autoridades locais e desde todos os clubes tenham a mesma prerrogativa. Ou seja, a torcida poderia voltar desde que houvesse isonomia entre os clubes.

Tal isonomia que tem sido ignorada por decisões do STJD, que liberou a abertura dos portões dos estádios para alguns clubes. Tal isonomia que o STJD resolveu ignorar ao indeferir pedido coletivo de 19 clubes contra a "vantagem" do Flamengo que jogará com público amanhã (Copa do Brasil) e no próximo domingo (Brasileiro).

A ver quão duradoura é a união dos clubes, que juntamente com a CBF haviam concordado em adiar a rodada do final de semana caso o Flamengo fosse o único esportivamente beneficiado por ter seus torcedores nas arquibancadas.

A ver...