Julio Gomes

Julio Gomes

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
OpiniãoEsporte

Felipão entrega o que o torcedor mais gosta

Jogar bem, envolver, marcar época... tudo isso importa no futebol. Para a história, qualquer história, ficam times campeões. Para a História com H maiúsculo, ficam os vencedores e que também são algo mais do que vencedores.

Luiz Felipe Scolari é um técnico imune ao tempo. O cara simplesmente não para de vencer. Não para de entregar ao torcedor aquilo que ele mais gosta: vencer. Vencer, vencer e vencer.

Quando perde, não sobra muito. Porque Felipão não entrega estilo, ele entrega resultado. E se coloca como "resultadista" com orgulho. Se não vem o resultado, não vem muito mais. Só que quase sempre vem o resultado.

Com o Galo, demorou um pouco. Afinal, era um elenco montado para outro tipo de trabalho, outro tipo de treinador, Coudet. Quando engatou, no entanto, o Atlético Mineiro não parou de vencer. Os 3 a 0 sobre o Flamengo, no Maracanã, foram um suco de Felipão.

O outro time ataca, o dele ganha. Um monte de treinadores joga do mesmo jeito, gosta de se fechar e contra atacar. Um monte mesmo, desde que o mundo é mundo. Mas poucos são os que conseguem ou conseguiram fazer isso funcionar de forma tão consistente quanto Felipão.

O cara está aí há mais de 30 anos ganhando. Com time pequeno, time grande, time médio, pontos corridos, mata-mata... tem sorte? Tem. Muita. Mas a sorte só sorri para quem a busca. Felipão é o maior técnico de futebol que o Brasil já teve.

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes