Julio Gomes

Julio Gomes

Siga nas redes
Só para assinantesAssine UOL
OpiniãoEsporte

Botafogo busca a sobrevivência em Fortaleza. Mas ainda sobrevive?

Um empate contra o Fortaleza, no Castelão, é bom resultado ou não para o Botafogo?

Pode ser que sim. Considerando que era fora de casa, que o adversário é bom, que esteve duas vezes na frente, que o Fortaleza teve chance de marcar o terceiro gol no fim.

Pode ser que não. Considerando que o Fortaleza vinha de tantas derrotas seguidas e, o principal, considerando que agora o Botafogo não depende mais de si para ser campeão.

A diferença entre Palmeiras e Botafogo é, agora, real. Um ponto. Pela primeira vez desde a terceira rodada, o Botafogo não é líder. Pela primeira no campeonato, não depende mais apenas de si para ser campeão.

O Botafogo ainda tem chances? Tem, claro. Um ponto a menos, quatro jogos a fazer. Alguém acredita nas chances do Botafogo após mais um empate? Ninguém.

O time de Tiago Nunes mostrou competitividade, mas mostrou também a falta de criatividade que marcou a equipe nas últimas semanas. Tiquinho e Eduardo, dois dos caras mais importantes do time no primeiro turno, desapareceram. Falta confiança, falta fé, falta o espírito do campeão.

O Botafogo buscou um ponto em Fortaleza, buscou a sobrevivência. Mas será que, de fato, sobrevive no Brasileiro?

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes