PUBLICIDADE

Topo

Equilíbrio

Cuidar da mente para uma vida mais harmônica


Equilíbrio

Cuidado com as amizades: estresse dos outros muda estrutura do seu cérebro

Estresse das pessoas próximas pode te influenciar negativamente - iStock
Estresse das pessoas próximas pode te influenciar negativamente Imagem: iStock

Do VivaBem

09/03/2018 12h21

Você já foi influenciado pelo humor de outra pessoa? De acordo com um novo estudo, as emoções, principalmente o estresse, podem ser contagiosos e causar estragos na estrutura do cérebro. Publicada no periódico Nature Neuroscience, a pesquisa descobriu que o estresse transmitido por outros pode mudar o cérebro do mesmo modo que um estresse real faz.

A equipe de cientistas estudou os efeitos do estresse em pares de camundongos machos e fêmeas. Eles removeram um animal de cada par e o expuseram a um estresse suave antes de devolvê-lo ao parceiro. Em seguida, examinaram as respostas dos neurônios CRH, que controlam a resposta do cérebro ao estresse. Os resultados mostraram que o funcionamento dos cérebros do rato estressado e do parceiro foram alterados da mesma maneira.

Veja também:

"O que foi notável foi que os neurônios CRH dos parceiros, que não estavam expostos a um estresse real, apresentaram mudanças idênticas às que medimos nos camundongos estressados”, disse Toni-Lee Sterley, autor principal do estudo.

Estresse trabalho - iStock - iStock
Mudanças cerebrais associadas ao estresse sustentam muitas doenças mentais, incluindo transtornos de ansiedade e depressão
Imagem: iStock

A equipe descobriu que a ativação desses neurônios CRH causa a liberação de um sinal químico, uma espécie de "feromônio de alarme", do rato que alerta o parceiro. Ao detectar o sinal, o companheiro pode, por sua vez, alertar os membros adicionais do grupo.

Jaideep Bains, um dos autores do estudo, sugere que essas descobertas também podem estar presentes em seres humanos. "Nós prontamente comunicamos o estresse às outras pessoas, às vezes sem sequer perceber”, disse. Segundo Bains, existe ainda a evidência de que alguns sintomas de estresse podem persistir em familiares e entes queridos de indivíduos que sofrem de estresse pós-traumático.

Além desse tipo do estresse pós-traumático, mudanças cerebrais associadas ao estresse sustentam muitas doenças mentais, incluindo transtornos de ansiedade e depressão, de acordo com os cientistas. Por isso, melhor tomar cuidado com as sensações das pessoas ao seu redor. “Se isso tem consequências duradouras para o cérebro, ainda não sabemos", disse Bains.

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS

Facebook: https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy

Equilíbrio