PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Duas doses de vacina mostram eficiência contra variante delta, diz agência

Somos conscientes da preocupação provocada pela rápida propagação delta, disse o diretor de estratégia de vacinação da EMA - iStock
Somos conscientes da preocupação provocada pela rápida propagação delta, disse o diretor de estratégia de vacinação da EMA Imagem: iStock

Em Haia (Holanda)

01/07/2021 15h22Atualizada em 01/07/2021 18h43

Duas doses de vacina anticovid parecem proteger de maneira eficaz contra a variante delta do coronavírus, muito contagiosa e que se propaga rapidamente, afirmou hoje a EMA (Agência Europeia de Medicamentos, na sigla em português).

"Informações procedentes de exames concretos mostram que duas doses de vacina protegem contra a variante delta", disse Marco Cavaleri, diretor de estratégia de vacinação da EMA.

Os casos de coronavírus voltaram a aumentar desde a semana passada na Europa, após 10 semanas consecutivas de queda, anunciou hoje a unidade continental da OMS (Organização Mundial da Saúde), que atribuiu o aumento à variante.

"Somos conscientes da preocupação provocada pela rápida propagação da variante delta", disse Cavaleri.

"Atualmente, parece que as quatro vacinas aprovadas na UE (União Europeia) protegem contra todas as cepas que circulam na Europa, incluindo a variante delta", completou.

As quatro vacinas aprovadas pela EMA são Pfizer/BioNTech, Moderna, AstraZeneca e Johnson & Johnson.

A OMS prevê que a variante Delta, inicialmente detectada na Índia, será "dominante" até agosto, confirmando a previsão do ECDC (Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças, na sigla em português), que calcula que 90% dos casos dentro da UE serão provocados por esta variante na data citada.

Saúde