PUBLICIDADE

Topo

Violência contra a mulher

Brasil automatiza coleta de dados sobre violência contra a mulher

Alikaj2582/iStock
Imagem: Alikaj2582/iStock

De Universa, em São Paulo

13/04/2020 13h54

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos firmou acordo para automatizar a coleta de dados sobre violência contra a mulher, usando um sistema desenvolvido originalmente pela Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação, de Campo Grande (MS).

O sistema, batizado de Íris, permitirá a coleta padronizada de dados referentes às mulheres atendidas pelas Casas da Mulher Brasileira em todo o país. A novidade foi anunciada no site do Governo Federal.

"A sistematização [...] nos permite efetivamente monitorar a política pública implementada. A nossa intenção é transformar esse sistema numa fonte de consulta para elaboração de novas políticas públicas", explicou a titular da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres, Cristiane Britto.

Segundo o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), a Casa da Mulher Brasileira no município vem sendo elogiada "pela assertividade das suas ações, e também pela eficiência e gestão da informação, trazidos com o uso da tecnologia".

Violência contra a mulher