PUBLICIDADE

Topo

Universa

Mulheres empreendedoras ganham menos que homens, segundo Sebrae

No empreendedorismo as mulheres ainda recebem menos que homens em todos os níveis de escolaridade  - Divulgação/Aliança Empreendedora
No empreendedorismo as mulheres ainda recebem menos que homens em todos os níveis de escolaridade Imagem: Divulgação/Aliança Empreendedora

De Universa, em São Paulo

06/03/2020 17h30

Em estudo realizado pelo Sebrae, compreendendo o primeiro trimestre de 2019, o rendimento médio de mulheres empreendedoras é superado em todos os níveis de escolaridade pelo dos homens, com uma queda na diferença de remuneração no nível superior.

Enquanto homens recebem média de R$ 5.228,00, as mulheres ganham R$ 3.840,00, mostrando uma superioridade de 36% para o sexo masculino no ensino superior. No ensino médio, a diferença é a maior dentre todas as faixas, com 53%, onde eles recebem cerca de R$ 2.421,00 e elas R$ 1586,00.

No ensino fundamental, as mulheres obtêm em média R$ 1.102,00 e homens R$ 1.638,00, uma diferença de 49%. Na categoria dos sem instrução, a diferença chega em 28%, com R$ 827,00 para eles e R$ 647,00 para elas.

Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, questões culturais e de gênero devem ser superadas para o crescimento do empreendedorismo feminino.

"Quando homens e mulheres superarem as crenças limitantes e os estereótipos culturais, equiparando responsabilidades em casa e na empresa, as empreendedoras terão mais chances de prosperar não só nas empresas, mas em suas vidas em sociedade", concluiu.

Universa