Topo

Universa

Elza Soares: "Não deixei que o racismo me atingisse"

Luiza Souto

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/11/2019 03h00

No Dia da Consciência Negra, Elza Soares decreta: "Não deixei que o racismo me atingisse moral ou fisicamente". E mais: "Nunca olhei no espelho a cor da minha pele. Me olho como mulher e ser humano".

Em entrevista para Universa, a cantora fala ainda que a violência contra a mulher é o mal do século e, tema do samba-enredo da escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel em 2020, afirma, sem falsa modéstia: "Mereço tudo isso que está acontecendo comigo. E quero mais".

Conteúdo disponível em podcast

A entrevista de Elza Soares integra a série de podcasts UOL Entrevista, lançado em julho

O podcast UOL Entrevista pode ser acessado nas páginas oficiais do UOL, YouTube do UOL, além de aplicativos como o Spotify e Apple Podcast. Além desse conteúdo, você pode ouvir outros podcasts do UOL, como o Baixo Clero e o Ficha Criminal.

Podcasts são programas que podem ser ouvidos a qualquer hora e lugar —no computador, smartphone ou em outro aparelho com conexão à internet. Para ouvir podcasts, você pode baixar aplicativos como o Spotify e o Apple Podcasts. Depois, basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado.

Universa