Topo

Universa


Universa

"Tenho o peito caído sim, sou uma vó de 45 anos", diz Preta Gil

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

17/09/2019 11h16

A cantora Preta Gil comentou, em entrevista publicada pelo site da revista "Quem", sobre padrões de beleza e disse que já teve fotos retocadas por ferramentas de edição contra a sua própria vontade. Preta Gil ainda afirmou que a sociedade vive um "padrão de desconstrução" e acredita que ela pode representar brasileiras com "corpo real".

"Já fiz campanha em que me retocaram contra a minha vontade e muito por ter que se encaixar num padrão que existia. Hoje a sociedade vive um padrão de desconstrução ", disse Preta Gil, que completou.

"Hoje isso é possível, por que eu represento milhares de mulheres brasileiras que têm o corpo real. A mulher que não é malhada, que amamentaram seus filhos, que o peito caiu... tenho o peito caído sim, sou uma vó de 45 anos. Isso é muito revolucionário e não só pra mim... é pra todas as mulheres", afirmou a cantora, que se tornou avó em 2015, aos 41 anos.

Na entrevista, Preta Gil ainda reafirmou que se considera uma mulher atraente. "Eu me acho sexy. Sou muito descrente de rótulo. Tem horas em que eu me acho sexy, que passo no espelho, mas vem uma sensação boa. Não tenho essa coisa de acreditar que o corpo da gente representa a gente como um todo. Se achar sexy é muito além do corpo e da imagem. Tem dia que eu me acho sexy, tem dia que não", afirmou.

Por fim, Preta Gil disse que hoje se incomoda menos com críticas vindas das redes sociais. "Cada dia respondo menos. Se eu pudesse, eu dava colo para essas pessoas. Muitas delas são raivosas e eu entendo como chegaram a esse ponto. Porque a sociedade e a indústria formaram isso, e eu sei porque não foi fácil para eu me libertar. Tive altos e baixos e sempre me coloco na posição de resignação, de compaixão, de sororidade, de empatia", disse.

Mais Universa