PUBLICIDADE

Topo

Diversidade

TV é acusada de fazer "brownface" em imitação de atriz indicada ao Oscar

Yeka Rosales (dir.) imita Yalitza Aparício - Reprodução/Instagram
Yeka Rosales (dir.) imita Yalitza Aparício Imagem: Reprodução/Instagram

Da Universa

06/03/2019 11h42

A maior rede de televisão do México causou revolta ao fazer uma paródia da atriz Yalitza Aparício, indicada ao Oscar de melhor atriz por seu papel em "Roma".

Muitos dos telespectadores acusam a empresa de "brownface", uma versão do já conhecido "blackface" -- a antiga pintura facial com o carvão de cortiça de atores brancos para representar personagens afro-americanos de forma, muitas vezes pejorativa.

Além do rosto pintado de marrom, a atriz Yeka Rosales, que imitava Yalitza, foi acusada de exagerar nas expressões faciais. O gesto é entendido como um ato típico da esterotipização dos indígenas mexicanos.

Em resposta às críticas, a Televisa declarou à agência Associated Press que não acredita que o programa praticou racismo ou discriminação, mas concorda que a produção foi de "mau gosto" e que o quadro será editado do programa "La Parodia".

Yeka, por sua vez, declarou que sempre interpretou personagens de todas as cores e raças e questionou por que o público não se ofendeu com suas paródias de negros, como Donna Summer.

Beleza do Oscar - Yalitza Aparicio - AFP - AFP
Yalitza Aparicio
Imagem: AFP

Recentemente, Yalitza foi alvo de falas racistas de um conhecido ator local e respondeu enfatizando o orgulho que tem de suas origens.

Diversidade