PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Lavou, tá novo! Saiba como limpar o seu vibrador

Vibradores bem cuidados duram muito tempo - iStock
Vibradores bem cuidados duram muito tempo Imagem: iStock

Cíntia Marcucci

Colaboração para Universa

18/08/2018 04h00

Cuidando bem de seu vibrador, dá para ter com ele um relacionamento estável e duradouro. O segredo está principalmente em limpar os brinquedos sexuais da maneira correta, com os produtos adequados e saber a hora em que não dá mais para continuar e não insistir: tem momentos em que a única saída é comprar um novo mesmo.

“Cada material pede um cuidado diferente, mas todos precisam ser higienizados antes e após o uso para que não acumulem bactérias que podem ser nocivas à saúde”, explica Karine Roberta Silveira, gerente da loja paulistana Love Toys.

Veja também

E não precisa inventar muito: água e sabão neutro, de preferência sem muito perfume, são os produtos mais indicados para essa limpeza. Não precisa ser bactericida nem nada do tipo, pois esses produtos costumam ter ingredientes que podem deixar cheiro e resíduos em materiais porosos, como os que imitam a pele humana. Isso aumenta o risco de alergias e irritações na pele da vagina, da vulva, do ânus e do pênis, que são áreas mais delicadas e sensíveis.

Uma dúvida comum dos clientes de Karine é se o álcool gel ou os lenços umedecidos são boas opções para a limpeza. A resposta é não, nem na emergência. “Materiais como silicone e plástico podem ser danificados e derreter com o álcool. Vidro, embora não se danifique, também fica mais limpo com água e sabão. Para limpar madeira e couro, recomenda-se usar um pano de tecido macio, apenas úmido”.

Bota a camisinha

O jeito mais higiênico de usar os brinquedos é com preservativo, mas para os de uso estritamente individual não é obrigatório. Já quando o uso é compartilhado por mais de uma pessoa, a camisinha é imprescindível. E deve ser trocada a cada novo uso. 

Quanto ao prazo de validade, acredite, o brinquedo vai demonstrar sinais de que “não dá mais”. “Se houver mudanças de cor ou textura do material, rachaduras, se a pilha não encaixa mais, se não está carregando direito ou se a vibração não funcionar, o melhor é investir em um modelo novo”, conta Karine, que diz que hoje existem produtos com tecnologia avançada e para os quais os fabricantes dão garantia de 10 anos se for usado e conservado corretamente.

A maior parte dos brinquedos é feita de materiais que não se decompõem, então como descartá-los e não causar o constrangimento que - ainda - existe quando o assunto é sexo ? Você pode descartar os de plástico ou vidro no lixo reciclável, sim. Se preferir, embale bem em outros materiais que vá descartar. E, claro: não vá jogar fora sujo. Lave antes.

Sexo