PUBLICIDADE

Topo

Universa

Fashion Rio começa com desfile café-com-leite de marca infantil

Desfile da Lilica Ripilica teve atriz mirim Sofia Terra (d) - Alexandre Schneider/UOL
Desfile da Lilica Ripilica teve atriz mirim Sofia Terra (d)
Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Enviada especial ao Rio

03/06/2007 20h19

Não é novidade. Toda edição, a marca de moda infantil Lilica Ripilica abre o Fashion Rio, às vezes bem acompanhada (em janeiro passado o domingo teve a ilustre participação de Walter Rodrigues), às vezes sozinha. Neste domingo carioca de clima invernal, a grife fez apresentação solo e o Fashion Rio Primavera-Verão 2007/8 ganhou inauguração café-com-leite.



O fato de a moda ser para crianças já faz com que a coleção seja analisada de maneira diferente. Afinal, seu consumidor ainda não tem identidade própria, personalidade formada; portanto, o jogo do uso da roupa como mais uma forma de expressar o que se pensa, se não nulo, fica pelo menos limitado (isso considerando a vontade das crianças de imitarem ídolos como a atriz mirim da novela "Pé na Jaca", Sofia Terra, que abriu e fechou o desfile, como algum tipo consciente de forma de expressar algum tipo de identidade). Também por isso não se pode nem deve cobrar, em termos de criação, grandes inovações que façam com que as menininhas da Lilica Ripilica virem "crianças-fashion-conceituais" ambulantes. Não é e nunca deve ser esta a proposta de uma grife infantil.



Já que está desfilando numa semana de moda, no entanto, espera-se que a proposta da marca seja a de se expor e ser avaliada dentro do seu segmento. Mas isso também não parece ser o objetivo da grife, que tem muito mais nas crianças clientes e nos seus respectivos pais o seu foco de atenção. E o desfile vira um programa dominical, como ir a um parque de diversões.



Na primeira fila, no lugar de jornalistas, crianças (não eram duas ou três, mas mais de vinte sentadas nas cadeiras numeradas, não nos colos das mães). As modelos mirins recebem aplausos entusiasmados e desfilam como adultas (nem todas conseguem, ainda bem), com penteados bem mais adolescentes do que infantis. A trilha sonora começa com música com frase de duplo sentido: "I'm so hot" (eu estou com tanto calor, ou sou tão quente, o que pode significar temperatura ou sensualidade) e segue com intepretações adultas do universo infantil.



Nas roupas, inspiradas numa princesa do fundo do mar, a versão é realmente para as crianças, principalmente nas cores e suas combinações, do delicado azul-bebê às combinações de verde-água e rosa-claro e o tradicional pink da marca. Ainda assim, na modelagem, as peças parecem fazer um apanhado do que já virou moda aceita nas ruas: batinhas, calças mais retas, bolerinhos, shortinhos bufantes e vestidos curtos com manga bufante e barra de babado.

Universa