PUBLICIDADE
Topo

Anitta: personagem da cantora chega hoje (2) ao Free Fire; veja poderes

Anitta no Free Fire: música, torneio e personagem superpoderosa que chega hoje (2) - Divulgação/Garena
Anitta no Free Fire: música, torneio e personagem superpoderosa que chega hoje (2) Imagem: Divulgação/Garena

Thaime Lopes

Colaboração para Tilt

02/07/2022 11h15

Depois de conquistar o mercado internacional, Anitta agora invade o metaverso. Neste sábado (2) chega ao jogo Free Fire a personagem "A Patroa", inspirada na cantora.

Não é pouca coisa: Free Fire é o jogo de celular mais baixado no Brasil em 2021, com campeonatos milionários ao longo do ano no país. Outro artista nacional já havia virado personagem no jogo: o DJ Alok.

O design, a história e os poderes da Patroa foram totalmente desenvolvidos pela própria artista e sua equipe, em parceria com a Garena, publicadora do game.

Anunciada em maio, a parceria foi além do jogo e virou também um torneio exclusivo para times femininos, chamado de Taça da Patroa, e uma música, "Tropa", lançada na última quarta (29).

A Patroa, personagem inspirada em Anitta no Free Fire - Divulgação/Garena - Divulgação/Garena
A Patroa, personagem inspirada em Anitta no Free Fire
Imagem: Divulgação/Garena

Patroa superpoderosa

A Patroa tem uma habilidade inédita. Ela é capaz de usar o poder de qualquer outro personagem que o jogador possua. Ou seja, ela pode ser usada de centenas de maneiras diferentes, dependendo da combinação dos players.

Essa verstailidade está limitada a até quatro habilidades simultaneamente, mas já será o suficiente para mudar bastante as dinâmicas e atuais estratégias dentro do game.

Ela vem com dois estilos da skin. Segundo a artista, a ideia era ter uma versão gamer e outra mais clássica.

Cena do clipe de Tropa, música da Anitta para Free Fire - Divulgação/Garena - Divulgação/Garena
Cena do clipe de Tropa, música da Anitta para Free Fire
Imagem: Divulgação/Garena

Como foi a criação

Bem antes da sua colaboração com a Garena, Anitta já estava envolvida com o mundo dos games. Durante a pandemia, começou a fazer transmissões ao vivo jogando Free Fire. Muitas vezes, recebia convidados já famosos no cenário competitivo, como Nobru, ou grandes streamers, como Samira Close.

Conforme a cantora contou em entrevista ao site oficial do jogo, depois desse período ela continuou a jogar e, um ano atrás, começou a negociação com a Garena para a criação de sua personagem.

"Fizemos os desenhos, mandamos para eles [Garena] e, depois, fomos para a parte da aprovação, fazendo as alterações necessárias. Foi um trabalhão", explicou.

A vez das mulheres

Taça da Patroa, campeonato feminino de Free Fire com apoio de Anitta - Divulgação/Garena - Divulgação/Garena
Taça da Patroa, campeonato feminino de Free Fire com apoio de Anitta
Imagem: Divulgação/Garena

O Free Fire possui um enorme cenário competitivo, tanto no Brasil quanto lá fora. Os times femininos, entretanto, não costumam ganhar tanto destaque. Anitta quis mudar isso e virou madrinha da Taça da Patroa, com o objetivo de estimular o cenário.

"Acho que a maior intenção é essa: promover a presença feminina e o respeito [à presença feminina] nos jogos online. No geral, existe muito preconceito e falta de respeito com as mulheres que querem estar em coisas que sei lá quem definiu que são de homem", afirmou Anitta durante coletiva de imprensa sobre a nova personagem.

Música com gírias do jogo

A força feminina também foi o tema do clipe de "Tropa". No vídeo, Anitta é acompanhada de três dançarinas com visuais inspirados em personagens do Free Fire.

Juntas, elas derrotam vários adversários interpretados por nomes famosos do cenário competitivo, como Nobru e Cerol (sócios da Fluxo, um dos maiores times de eSports do Brasil) e Camilota, apresentadora da Liga Brasileira de Free Fire.

Anitta bolou uma letra com muitas gírias utilizadas pelos gamers. O próprio nome é uma referência à forma como a comunidade de Free Fire é chamada. Na coletiva, ela explicou que para compor, chamou amigos que jogam e pediu ideias de palavras que eles usam quando estão em uma partida.

Para o clipe, a Garena deu liberdade criativa total para a artista. "A gente pode fazer exatamente o que eu queria. Eu queria que quem assistisse o clipe tivesse a sensação de estar assistindo o jogo em vida real. E pra trazer esse mundo da fantasia parecer realidade é bem complicado. Foi muito especial, bastante cenografia", explicou.