PUBLICIDADE
Topo

Microsoft ameaça não atualizar Windows 11 em computadores mais antigos

Microsoft
Imagem: Microsoft

Aurélio Araújo

Colaboração para Tilt, em São Paulo

30/08/2021 15h21Atualizada em 30/08/2021 16h05

Em junho, a Microsoft havia anunciado os requisitos mínimos para que o Windows 11 rodasse em PCs. De acordo com o anúncio feito à época, isso excluía qualquer PC sem chip TPM 2.0 (sigla para Trusted Platform Module, componente que melhora a segurança operacional) e com processador Intel que não fosse da oitava geração em diante.

Embora o Windows 11 esteja sendo preparado para funcionar em PCs incompatíveis com os requerimentos mínimos exigidos pela Microsoft, a empresa afirmou que atualizações do sistema operacional, incluindo as de segurança, não serão "autorizadas" aos usuários de máquinas mais antigas. A informação é do site "The Verge".

O que rolou

Como a oitava geração de processadores da Intel foi lançada em agosto de 2017, em tese, isso significaria que qualquer PC lançado antes desse prazo seria incompatível com o Windows 11. Consultada pelo reportagem do site, porém, a empresa afirmou que tecnicamente não impediria usuários de PCs mais antigos de instalarem manualmente o Windows 11.

Entretanto, a Microsoft afirmou que esses PCs poderão não ter as atualizações que o novo sistema operacional receberá depois do lançamento. Esse comportamento não é comum, já que patches de segurança para sistemas operacionais antigos costumam ser lançados pela própria gigante da tecnologia.

As razões por trás dessa decisão não são claras, mas especula-se que a Microsoft deseje que as pessoas comprem novos PCs, independentemente de precisar ou não deles. Dessa forma, não permitir atualizações em máquinas mais antigas acaba sendo um incentivo para que as pessoas comprem aparelhos mais novos, prontos para o Windows 11.

Atualmente, o Windows 10 recebe grandes atualizações a cada 6 meses, aproximadamente. Essas atualizações são instaladas de forma automática por meio do serviço Windows Update. O plano é que elas sigam sendo lançadas para esse sistema operacional até 2025.

Mais sobre o Windows 11

Ainda não há data oficial de lançamento para o novo sistema operacional da Microsoft, mas o mais provável é que ele saia em outubro.

Para saber se o seu computador é compatível com os requisitos exigidos para a atualização via Windows Update, basta acessar o site oficial da empresa. Mas, como a Microsoft deixou claro, caso seu PC não se encaixe no que é requisitado, ainda será possível instalar manualmente o sistema.

De qualquer forma, não é preciso se preocupar em abandonar rapidamente o Windows 10: como explicado, ele seguirá recebendo atualizações por mais quatro anos.