PUBLICIDADE
Topo

Lucas, da Fresno, desafia Bolsonaro após protesto no Lollapalooza: 'Multa'

Lucas Silveira, do Fresno, em show no Lollapalooza - Manuela Scarpa/Brazil News
Lucas Silveira, do Fresno, em show no Lollapalooza Imagem: Manuela Scarpa/Brazil News

Colaboração para Splash, em Maceió

28/03/2022 23h40

Depois de desafiar uma decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que tentou censurar manifestação política no Lollapalooza Brasil 2022, o cantor Lucas Silveira, vocalista da banda Fresno, provocou o presidente Jair Bolsonaro (PL).

Em seu perfil no Twitter, o artista compartilhou uma foto do jornal Folha de S.Paulo, que repercutiu um pedido de "Fora, Bolsonaro" feito pelo Fresno durante apresentação no festival e, na legenda, marcou o presidente em tom de provocação: "Multa nós".

Fresno se apresentou no domingo (27), terceiro e último dia de Lollapalooza Brasil 2022, quando o TSE acatou um pedido do PL, partido de Bolsonaro, que tentou impedir manifestação de cunho político no evento, após a cantora Pabllo Vittar demonstrar apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em sua performance no festival, sob a alegação de campanha eleitoral irregular e antecipada.

Hoje, o PL retirou a ação que tentou censurar os artistas no Lollapalooza. De acordo com a Folha, o pedido partiu diretamente de Jair Bolsonaro, que teria ficado "furioso" com a legenda.

Protestos, luto, beijo: os principais momentos do Lollapalooza 2022