PUBLICIDADE
Topo

Laís pede desculpas a Linn e se explica sobre torpedo no masculino

BBB 22: Laís conta para Linn que é a autora do torpedo - Reprodução/Globoplay
BBB 22: Laís conta para Linn que é a autora do torpedo Imagem: Reprodução/Globoplay

Colaboração para Splash, em São Paulo

24/01/2022 15h55

Após a edição ao vivo do "BBB 22" (TV Globo) que aconteceu ontem, na qual o apresentador Tadeu Schmidt pediu que a cantora Linn da Quebrada explicasse por quais pronomes deve ser chamada, a médica Laís Caldas chamou a sister para conversar e explicar um torpedo que, segundo ela, foi mal interpretado.

Laís havia enviado para Linn, dias antes, um torpedo dizendo: "Tá solteiro? Tem alguém perguntando aqui". A mensagem teve uma repercussão negativa, pois muitos entenderam que a médica estaria se referindo a Linn, que se identifica como uma travesti, com o pronome masculino.

Na noite de ontem, a cantora reforçou que atende pelo pronome feminino. Hoje à tarde, Laís a chamou para conversar e disse que o torpedo não era uma pergunta direcionada a Linn. Segundo a médica, ela estava repetindo uma frase dita pela artista durante a festa.

"Cê lembra quando a gente tava fazendo a apresentação aqui? Que você ficou assim: 'Tá solteiro? Tá solteiro? Porque estão perguntando aqui'. E eu achei o máximo", começou Laís.

"Então, mas aí você me perguntou se eu estava 'solteiro'", disse Linn.

"Não, não foi com a intenção. Não foi eu que estava perguntando pra você se você estava solteira. Era como se fosse você perguntando", defendeu a médica. "Você é linda, maravilhosa, plena. Não tem nem como confundir".

"Entendi. Eu fiquei chateada, mas eu esperei [alguém vir se manifestar]. Eu ainda nem fiquei perguntando", respondeu a cantora, que acrescentou que ficou feliz com a conversa. Por fim, Laís pediu desculpas e as duas se abraçaram.

Quem você quer que seja eliminado do 'BBB 22'?

Enquete encerrada

Total de 171650 votos
44,76%
Reprodução/Instagram @bbb
29,36%
Reprodução/Instagram @bbb
25,89%
Reprodução/Instagram @bbb
Total de 171650 votos
A votação do UOL não possui caráter cientifico ou influência sobre o resultado do programa da TV Globo