PUBLICIDADE
Topo

Fantasias com o tema 'Round 6' são proibidas em escolas de Nova York

Cena de "Round 6" - Divulgação/Netflix
Cena de "Round 6" Imagem: Divulgação/Netflix

Colaboração para Splash, em São Paulo

27/10/2021 11h21

Com o sucesso de "Round 6", muitos estão procurando fantasias do seriado sul-coreano para usar no Halloween. Entretanto, três escolas em Nova York, nos Estados Unidos, proibiram o uso dos trajes.

Os coordenadores desses colégios mandaram emails para os pais dos alunos avisando sobre a determinação, como noticiou o jornal "New York Post" hoje. Eles afirmam que o seriado da Netflix passa uma mensagem de "muita violência" e não querem que as crianças se machuquem, como já aconteceu.

round - Reprodução/Netflix - Reprodução/Netflix
Cena de "Round 6"
Imagem: Reprodução/Netflix

"Devido à natureza violenta dos jogos da série, são inapropriadas suas práticas na escola. Adicionalmente, o uso de fantasias de Halloween da série não está de acordo com as nossas normas devido à mensagem violenta intrínseca ao figurino", afirmou a direção da Mott Road Elementary School.

Crianças machucadas

Um grupo de 5 crianças foi levado a um hospital na França após serem esmagados por alunos mais velhos que tentavam reproduzir um dos jogos exibidos na série "Round 6", informou o jornal Le Parisien.

Alunos do sexto ano surpreenderam um grupo de alunos da 3ª série em um corredor estreito. A publicação não informou qual dos jogos da série as crianças tentaram reproduzir.

A situação ocorreu em 13 de outubro, quando os cinco jovens foram atendidos por médicos. Segundo o Le Parisien, a situação "fugiu do controle" durante a suposta brincadeira, o que tornou o conflito violento.

O Colégio George Sand, local em que o episódio ocorreu, confirmou ter iniciado três processos de expulsão contra os alunos que iniciaram a simulação da série.

A série sul-coreana "Round 6" se tornou a mais vista da história da Netflix. Com problemas financeiros, os personagens arriscam a própria vida para concluir desafios em busca de um prêmio em dinheiro.

Apesar de indicar uma classificação etária mínima de 16 anos, o sucesso da produção, que conta com grande número de cenas de violência, também atraiu a atração do público mais jovem que acessa a plataforma de streaming.