Lucas Pasin

Lucas Pasin

Siga nas redes
Opinião

Fiuk veste abadá de subcelebridade e afasta má fama do BBB e Lady Night

Um "novo" Fiuk surgiu nas redes sociais na última semana e tem surpreendido positivamente, mostrando que o filho de Fábio Jr. vive agora, e finalmente, o seu melhor momento da carreira.

O cantor e ator, que tem no currículo novela no horário nobre e um pódio no BBB 21, participa da Casa da Barra - evento criado pelo criativo Carlinhos Maia para mais de 40 influenciadores, e transmitido para milhares nas redes sociais - e parece que finalmente se encontrou ao vestir o abadá de subcelebridade.

Ao protagonizar muitos beijos com diversas meninas, curtir festas com grande entusiasmo e pouca roupa, e até flertar com Deolane Bezerra, o "novo" Fiuk mostra estar muito mais disposto a se expor e viver com zero medo de julgamentos.

Vale destacar que ser um dos mais falados na Casa da Barra tem um mérito ainda maior. Lá acontece muita coisa ao mesmo tempo, e o que não falta é gente querendo aparecer.

Fiuk já havia demonstrado um leve desejo em se expor ao aceitar participar do Big Brother Brasil, mas certamente ainda não estava pronto, e acabou ganhando a indesejável fama de mala do programa.

O que será que Boninho está pensando desse novo Fiuk? Aquele do BBB reclamava de tudo, se negava a participar de dinâmicas, e se escondia das câmeras para dar um beijinho bobo e sem graça.

Outra que deve estar boquiaberta com a nova versão de Fiuk é Tatá Werneck. Ele foi um fiasco ao participar do "Lady Night", se incomodou com brincadeirinhas sobre cigarro e perguntas que envolviam a vida amorosa. Que bom que aquele Fiuk chato já não está mais entre nós!

Chico Barney certamente diria que o novo Fiuk merece uma chance na próxima edição de A Fazenda. Eu prefiro que ele vá por outros caminhos, quem sabe um "De Férias com Ex".

Uma coisa é certa: Fiuk, você encontrou o seu lugar, aproveite.

Continua após a publicidade

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes