PUBLICIDADE
Topo

Bonito, em MS, terá primeiro museu subaquático de água doce do mundo

O Museu Subaquático de Bonito deverá ser inaugurado em outubro - Divulgação
O Museu Subaquático de Bonito deverá ser inaugurado em outubro Imagem: Divulgação

De Nossa

24/09/2021 10h32

Depois de França e Chipre, o Brasil agora também terá um museu subaquático. A cidade de Bonito, em Mato Grosso do Sul, importante polo de turismo do centro-oeste, abrirá ao público em outubro o primeiro museu de água doce do mundo.

A atração será parte do complexo Nascente Azul e ficará localizada em um lago com cerca de 4 mil m² e quatro metros de profundidade, onde atualmente já funciona um dos pontos de mergulho da região. A proposta é incorporar ao meio estátuas produzidas por artistas locais que retratarão as temáticas de sustentabilidade e preservação ambiental.

Visitantes poderão ver as obras em meio a peixes típicos de Bonito, como piraputanga, pacu, lambari, dourado, piau e outros. Munidos de cilindros disponíveis no local, turistas a partir de 10 anos acompanhados de instrutor mergulharão para conhecer o museu em grupos de até quatro pessoas, que não precisam possuir certificado de mergulho, segundo o complexo Nascente Azul, já que a experiência foi pensada para iniciantes e o ambiente é controlado.

As obras de arte do museu devem se integrar ao ecossistema do lago e funcionar como abrigo para os peixes. A organização espera que a água, com alta concentração de calcário, transforme as peças aos poucos e, assim, a natureza deve lapidá-las em conjunto com o ser humano.

Apesar de não haver data definida da inauguração ainda, a administração espera finalizar o Museu Subaquático de Bonito até o fim do mês de outubro. Reservas deverão ser feitas através do site.