PUBLICIDADE
Topo

Corinthians na África? As semelhanças entre Brasil e Cabo Verde

Apaixonados por futebol como os brasileiros, os cabo-verdianos têm até um Corinthians para chamar de seu - Marcel Vincenti/UOL
Apaixonados por futebol como os brasileiros, os cabo-verdianos têm até um Corinthians para chamar de seu
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

02/05/2021 04h00

Brasil e Cabo Verde são dois territórios lusófonos e que foram colonizados por Portugal. Mas as semelhanças entre estes dois países distantes não param por aí.

Arquipélago parte da África e que se encontra cercado pelo oceano Atlântico, a nação cabo-verdiana tem diversas e surpreendentes coisas em comum com o Brasil.

Você sabia que, em Cabo Verde, bares vendem uma versão bem curiosa da caipirinha? E que, nos restaurantes locais, é servido um prato chamado de feijoada? E mais: dentro do país, existe um time de futebol batizado de Corinthians.

Conheça, a seguir, mais sobre estas curiosidades.

Grogue

Grogue, bebida típica em Cabo Verde, é para fortes: mais de 40% de teor alcoólico  - Marcel Vincenti/UOL - Marcel Vincenti/UOL
Grogue, bebida típica em Cabo Verde, é para fortes: mais de 40% de teor alcoólico
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

País produtor de cana-de-açúcar, Cabo Verde tem uma fortíssima bebida (geralmente com mais de 40% de teor alcoólico) chamada grogue — e que, para muita gente, pode lembrar a nossa cachaça.

A aguardente é facilmente encontrada em lojinhas turísticas e bares do país.

É só tomar cuidado para não exagerar nas doses e não ficar exatamente como o nome da bebida.

Caipirinha

Caipirinha virou sinônimo de drinque em Cabo Verde. Na versão local entre também refrigerante - Marcel Vincenti/UOL - Marcel Vincenti/UOL
Caipirinha virou sinônimo de drinque em Cabo Verde. Na versão local entre também refrigerante
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

O grogue tem um função nobre em Cabo Verde: a bebida é usada como base alcoólica para drinques que, no país, são chamados de "caipirinha", em alusão à famosa receita etílica verde e amarela (e que, assim como no Brasil, combinam com as praias e com o calor do arquipélago africano).

O preparo da caipirinha em solo cabo-verdiano, entretanto, pode surpreender os brasileiros.

Lá, a bebida é frequentemente feita com grogue, limão, açúcar, gelo e refrigerante de limão (e outras frutas, às vezes, também aparecem na mistura, como o maracujá).

À princípio estranha, a presença do refrigerante traz uma agradável característica gasosa ao drinque.

Café delicioso

O Cabo Verde é produtor de bons grãos, principalmente na Ilha do Fogo - Getty Images - Getty Images
O Cabo Verde é produtor de bons grãos, principalmente na Ilha do Fogo
Imagem: Getty Images

Ao viajar do Brasil para Cabo Verde, não fique aflito com a ideia de passar as férias sem degustar um bom café.

Assim como o território brasileiro, o país africano também produz e vende café de alta qualidade, proveniente principalmente da Ilha do Fogo, que tem um solo vulcânico muito propício para cultivos de qualidade (esta região é também, atualmente, uma produtora de bons vinhos).

Corinthians

O brasão do Corinthians, inspirado no time brasileiro - Reprodução - Reprodução
O brasão do Corinthians, inspirado no time brasileiro
Imagem: Reprodução

Acredite se quiser: em Cabo Verde, há um time de futebol chamado Corinthians. O nome completo do clube é Sport Club Corinthians São Vicente e está sediado na Ilha de São Vicente.

O time foi fundado em 1987 e já conquistou títulos de relevância em Cabo Verde.

No meio de seu escudo, inspirado no símbolo do Corinthians brasileiro, aparece a bandeira do país africano.

Paixão pelo futebol

Os cabo-verdianos compartilham com o Brasil essa paixão (e os campinhos de várzea) - Marcel Vincenti - Marcel Vincenti
Os cabo-verdianos compartilham com o Brasil essa paixão (e os campinhos de várzea)
Imagem: Marcel Vincenti

E o futebol continua trazendo lembranças do Brasil em um passeio por Cabo Verde.

No arquipélago, o esporte é praticado em qualquer espaço onde seja possível montar dois gols e fazer rolar a bola, como praias, campinhos de várzea, fundos de quintal e ruas no meio de cidades.

São imagens quase iguais às vistas diariamente no litoral e em periferias do território brasileiro.

Feijoada

Os cabo-verdianos também consomem um prato que tem o nome de feijoada — e que não é uma cópia do símbolo da culinária brasileira.

No país africano, onde é chamada de feijoada de búzios, a receita é preparada com feijão e moluscos, além de ingredientes como cenoura, louro, cebola, alho e pimentão.

O mesmo nome, mas muita diferença nos ingredientes que compõem a feijoada no Cabo Verde - Marcel Vincenti/UOL - Marcel Vincenti/UOL
O mesmo nome, mas muita diferença nos ingredientes que compõem a feijoada no Cabo Verde
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

O resultado final é uma suculenta iguaria que pode ser servida com arroz de polvo. O sabor, logicamente, não lembra o da nossa feijoada, mas é um prato que, assim como seu "irmão" brasileiro, deixa facilmente saciado o mais faminto dos comensais.

A localidade de Palmeira é um dos melhores lugares para comer a feijoada de búzios em Cabo Verde.

Praias paradisíacas

cabo verde  - Marcel Vincenti - Marcel Vincenti
As praias são a principal atração turística do país
Imagem: Marcel Vincenti

Cabo Verde, assim como o Brasil, é um destino de praia por excelência. O litoral do arquipélago é muito visitado por europeus em busca de sol abundante, mar de tonalidades fascinantes e areia fofa.

Algumas das melhores praias do país estão na Ilha do Sal, território que une um mar azul com excelente infraestrutura turística, com boa oferta de resorts, restaurantes, vida noturna e passeios de barco.

E há também lindas paisagens litorâneas nas Ilhas de Boa Vista e São Vicente.

São Vicente é "um brasilin"

Homenagem a Cesária Évora, ícone musical do Cabo Verde, em um bar do país - Marcel Vincenti/UOL - Marcel Vincenti/UOL
Homenagem a Cesária Évora, ícone musical do Cabo Verde, em um bar do país
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

As semelhanças de Cabo Verde com o Brasil já foram até citadas pela voz de Cesária Évora, diva da música cabo-verdiana.

Na canção "Carnaval de São Vicente", ela entoa o seguinte, em crioulo cabo-verdiano: "São Vicente é um brasilin, chei di ligria chei di cor " ("São Vicente é um Brasilzinho, cheio de alegria, cheio de cor).

E a ilha de São Vicente, à qual se refere a música, tem, de fato, um dos festejos carnavalescos mais famosos da África.