PUBLICIDADE
Topo

Maradona: conheça hotel na Índia que guardou itens tocados pelo jogador

Suíte 309: quarto onde jogador se hospedou em visita à Índia - AFP
Suíte 309: quarto onde jogador se hospedou em visita à Índia Imagem: AFP

De Nossa

27/11/2020 10h46

A Índia é o país do críquete. Mas mesmo lá a vida e morte do argentino Diego Maradona reverberou. O jogador de futebol, que faleceu por insuficiência cardíaca aguda na quarta (25), recebeu uma série de homenagens de indianos.

Uma delas foi no hotel Blue Nile, em Cannanore, no sul do país, que recebeu o craque em 2012. Fãs e jornalistas locais se reuniram no local para viver o luto em conjunto.

Hotel índia - Maradona - AFP - AFP
Parede com lembranças como pratos e talheres usados por Maradona
Imagem: AFP

Saudoso, o dono Ravindran Veleimbra contou à AFP que ainda se recorda de quando encontrou o jogador. "Nosso Deus entrou. Ele estava na nossa frente".

A notícia do falecimento foi recebida com pesar:

É um dia de luto para nós. Ele agarrou o braço na hora de sair e ainda sinto"

O proprietário, que diz que pretende colocar uma estátua em homenagem a Maradona, guardou como relíquia os itens usados pelo argentino durante a hospedagem.

O quarto número 309, onde o jogador dormiu, tornou-se uma espécie de museu. Foram conservados produtos de higiene, talheres e — pasmem — cascas de camarão usadas no preparo de uma salada devorada pelo craque.

Hotel índia - Maradona - AFP - AFP
O dono no espaço que foi transformado em museu
Imagem: AFP

"Tem até o bouquet de flores que demos a ele. As flores estão secas, mas está tudo emoldurado. (...) Os seus fãs querem vivê-lo", diz o dono. Um menu assinado e bolas de futebol completam a coleção do Maradona.