PUBLICIDADE
Topo

Turista é detida e multada após fazer saudação nazista em campo de concentração

 Uma mulher de 29 anos fez o gesto em frente ao portão com os dizeres Arbeit Macht Frei (O Trabalho Liberta). - Reuters
Uma mulher de 29 anos fez o gesto em frente ao portão com os dizeres Arbeit Macht Frei (O Trabalho Liberta). Imagem: Reuters

23/01/2022 22h34

A mulher holandesa de 29 anos disse que fez uma brincadeira de mau gosto em Auschwitz-Birkenau, na Polônia, onde o regime comandado por Hitler matou 1,1 milhão de pessoas.

Uma turista holandesa foi detida na Polônia por fazer uma saudação nazista no antigo campo de concentração de Auschwitz-Birkenau, segundo a polícia local.

A mulher de 29 anos fez o gesto em frente ao portão com os dizeres Arbeit Macht Frei (O Trabalho Liberta).

A turista, que não foi identificada, foi posteriormente acusada de se envolver em propaganda nazista. Os promotores emitiram uma multa, que ela concordou em pagar.

A mulher disse que o ato foi uma brincadeira de mau gosto, segundo a agência de notícias PAP.

Ela estava posando para uma foto tirada pelo marido na ocasião.

Não é a primeira vez que estrangeiros são detidos por promover propaganda nazista na Polônia - uma acusação que pode levar a até dois anos de prisão.

Em 2013, dois estudantes turcos foram condenados a seis meses de prisão e multados por uma saudação nazista semelhante em Auschwitz.

A Alemanha nazista assassinou pelo menos 1,1 milhão de pessoas em Auschwitz - Getty Images - Getty Images
A Alemanha nazista assassinou pelo menos 1,1 milhão de pessoas em Auschwitz
Imagem: Getty Images

A Alemanha nazista construiu o campo de extermínio na cidade de Oswiecim, no sul da Polônia, depois de invadir e ocupar o país no início da Segunda Guerra Mundial, em 1939.

Em pouco mais de quatro anos e meio, a Alemanha nazista assassinou sistematicamente pelo menos 1,1 milhão de pessoas em Auschwitz. Quase 1 milhão eram judeus.

Os deportados para o campo foram mortos em câmaras de gás, passaram fome, trabalharam até a morte e foram submetidos a experimentos médicos.

Ao menos 6 milhões de judeus morreram no Holocausto - a campanha nazista para erradicar a população judaica da Europa. Auschwitz estava no centro desse genocídio.

Tropas soviéticas libertaram o campo no início de 1945.