PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Arnaldo: Qualquer vitória do São Paulo contra o 4 de Julho será obrigação

Do UOL, em São Paulo

08/06/2021 04h00

O São Paulo tem hoje uma decisão pela frente diante do 4 de Julho, do Piauí, clube modesto, mas que venceu o primeiro jogo diante do atual campeão paulista na última semana, o que faz com que a equipe dirigida por Hernán Crespo necessite da vitória por pelo menos dois gols de diferença para avançar na Copa do Brasil sem precisar de uma disputa de pênaltis.

No podcast Posse de Bola #132, Arnaldo Ribeiro afirma que a semana acaba sendo desafiadora para o São Paulo, que vem de derrota também no Campeonato Brasileiro, pelo qual jogou duas partidas e não venceu nenhuma, e vê o confronto com o 4 de Julho como perigoso pelo fato de que a obrigação é do clube tricolor e com toda a estrutura, o poder financeiro que tem.

"O São Paulo tem uma semana desafiadora, tem a obrigação de ganhar, qualquer coisa que o São Paulo fizer contra o 4 de Julho, se meter 5 ou 6, vai ser obrigação, é péssimo jogar sob essas condições. Pode fazer cinco gols de bicicleta, golfe chapéu, nada é além de obrigação", diz Arnaldo.

"E no domingo, se classificar, vai ter o Atlético-MG no Mineirão, aí um jogo grande do Brasileiro, o São Paulo está lá embaixo. É só o começo, mas o Campeonato Brasileiro de futebol, se você não larga bem, você não é campeão. Simples assim, não tem muita história. O São Paulo só fez boa campanha ano passado porque largou bem, quando ninguém estava ainda prestando atenção no campeonato, o São Paulo vai ficar para trás", completa.

Juca Kfouri também opina sobre o São Paulo e considera que o clube deveria priorizar a disputa das copas em detrimento do Campeonato Brasileiro, uma vez que já nas primeiras rodadas da competição apresentou limitações em seu elenco, com alguns desfalques importantes.

"Se eu sou a direção do São Paulo e o Crespo, eu aposto na Copa do Brasil inicialmente, que é a taça que o São Paulo não tem, secundariamente na Libertadores e me proponho a fazer um Brasileiro para brigar lá em cima, mas não para ser campeão, porque o São Paulo não tem elenco para aguentar essa maratona, eu acho. E a prova disso está nessa primeira semana, o São Paulo está muitíssimo desfalcado, sem cinco na verdade, mas essa é a realidade e isso acontecerá outras vezes. Por causa das seleções, ou por causa de lesões, eu me concentraria no mata-mata", conclui Juca.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol