PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fernando Diniz admite dificuldades para o Fluminense se classificar e lamenta tropeços na competição: 'Tínhamos que ter pontuado em casa'

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

20/05/2022 00h42

O empate do Fluminense contra o Unión Santa Fé-ARG por 0 a 0 diminuiu consideravelmente as chances de classificação para a próxima fase da Copa Sul-Americana. Na entrevista coletiva, Fernando Diniz assumiu que a situação do time é complicada e lamentou os tropeços da equipe nos jogos anteriores da competição.

Agora, o Fluminense precisa torcer por um empate entre Junior Barranquilla e Unión Santa Fé e tirar um saldo de cinco gols contra o Oriente Petrolero. Fernando Diniz comentou sobre o atual cenário da equipe na competição e as dificuldades que enfrentou contra os argentinos:

- Um ponto só é muito ruim para nós, porque ficamos dependendo do empate entre Junior Barranquilla e Unión Santa Fé. Era um jogo muito difícil. Assisti vários jogos e é uma equipe, que, aqui no seu estádio, é muito difícil de jogar contra. Eles ganharam do River Plate aqui. É muito difícil eles perderem pontos aqui. A gente teve muita posse e pouca profundidade. Faltou profundidade um pouco por causa do time, mas também pela marcação bem feita que o Unión fez.

A atual situação do Fluminense se dá pelos tropeços que teve durante a fase de grupos da Sul-Americana, principalmente o empate contra o próprio Unión Santa Fé jogando no Maracanã. O treinador, que assumiu a equipe na vitória contra o Junior Barranquilla, destacou a dificuldade do grupo e afirmou que o time vai continuar tendo fé na classificação.

- O futebol é assim. O jogo que mais fez falta foi o empate em casa e o saldo de 3 a 0 contra o Junior. A gente veio como candidato a ser primeiro colocado, mas é um grupo muito forte, tem três equipes brigando pela classificação até o final. Esse grupo da Sul-Americana é muito mais forte que muitos grupos da Libertadores. Tínhamos que ter pontuado em casa para poder ter mais chance de classificação. A gente ainda tem chances e vamos acreditar até o final - declarou.

Questionado sobre a possibilidade de a equipe ter sido surpreendida com a atuação do Unión, Fernando Diniz garantiu que o jogo aconteceu da maneira que esperavam. Além disso, o treinador classificou o resultado como justo.

- O jogo não surpreendeu em nada. Esperávamos que fosse assim, muita pressão da torcida, muita bola longa, um time vertical, que não troca tantos passes e tenta chegar ao gol de maneira direta. Na parte tática e emocional, não teve surpresa alguma. A gente queria ter jogado melhor tecnicamente para ter conseguido vencer. Faltou profundidade ao nosso time, mas o espírito de luta, que é a base principal, a gente teve do começo ao fim do jogo. O empate acabou sendo justo - finalizou.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

O Fluminense volta a campo no próximo domingo (22), às 16h, contra o Fortaleza, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será na Arena Castelão.

Futebol