PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Corinthians procura Rogério Micale para assumir equipe Sub-20

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

20/01/2022 16h42

O Corinthians segue de olho no mercado em busca de um técnico para o time Sub-20. Dentre os possíveis alvos, o nome de Rogério Micale ganhou força no Parque São Jorge, como sendo o ideal para substituir Diogo Siston, que foi demitido do cargo na última segunda-feira (17). 

Campeão olímpico com o Brasil em 2016, Micale é atualmente o treinador do Al Dhafra (EAU), motivo que dificulta a contratação no momento. Contudo, o Timão tende a não desistir facilmente do negócio, já que ele foi uma sugestão do novo gerente das categorias de base do Alvinegro, André Figueiredo. Vale dizer, que ambos trabalharam juntos no Atlético-MG, em 2017. 

Rogério Micale não foi a primeira opção do Corinthians para o cargo, antes dele, o Timão cogitou subir Gustavo Almeida, do Sub-17 para o Sub-20. A diretoria ainda pensou em realocar Danilo para o comando da categoria, mas decidiram ir por outro caminho. 

Em 2021, Danilo treinou o time Sub-23 do Corinthians, que está perto de ser extinto. Logo, sem calendário neste primeiro semestre, poucos atletas seguem no elenco da equipe enquanto aguardam propostas para sair. 

Para mais informações sobre o Corinthians, siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook e Instagram.

No momento, apenas cinco jogadores seguem no Sub-23 do Corinthians, são eles: Léo Paraíso (zagueiro, com contrato até fevereiro); Heitor Casagrande (zagueiro), Gabriel Araújo (zagueiro), Jhon Lessa (zagueiro) e Matheus Matias (atacante). 

Criada em 2019, ainda na gestão de Andrés Sanchez, a categoria Sub-23 nunca caiu nas graças da Fiel devido a não ser efetiva no principal objetivo, que era revelar jogadores para o time principal. Na posse de Duílio Monteiro Alves, o dirigente tinha em mente manter o projeto, mas de uns tempos pra cá, começou a mudar de ideia. 

Em quase um ano, o Sub-20 do Corinthians teve quatro treinadores diferentes. Começou com Dyego Coelho, depois Marcio Bittencourt assumiu como interino até a contratação de Tarcisio Pugliesi, que permaneceu por apenas dois meses, quando foi trocado por Diogo Siston

Futebol