PUBLICIDADE
Topo

Tottenham adverte Mourinho e jogadores que descumpriram confinamento

07/04/2020 20h17

Londres, 7 Abr 2020 (AFP) - O Tottenham Hotspur lembrou a sua equipe a responsabilidade durante o confinamento no Reino Unido devido à pandemia do novo coronavírus, após a publicação de fotos e vídeos de seu técnico José Mourinho e alguns jogadores que não cumpriram as medidas de distanciamento social recomendadas pelo governo britânico.

O treinador português foi fotografado treinando com Tanguy Ndombele no Hadley Common, enquanto outros dois jogadores, o colombiano Davinson Sánchez e o francês Ryan Sessegnon foram vistos se exercitando juntos em um parque público no norte de Londres.

O zagueiro marfinense Serge Aurier, por sua vez, postou um vídeo no Instagram correndo ao lado de outra pessoa.

A Premier League foi suspensa desde meados de março devido à pandemia do novo coronavírus, que causou 786 mortes nas últimas 24 horas, num total de 6.159 óbitos desde o início da pandemia, forçando o governo britânico a adotar medidas restritivas que embora não impeçam os cidadãos de se exercitarem uma vez por dia, é recomendável que duas pessoas estejam a pelo menos dois metros de distância, mesmo que pertençam à mesma família.

"Todos os nossos jogadores foram lembrados de que medidas de distanciamento social devem ser respeitadas quando se exercita fora de casa", disse um porta-voz do Spurs.

"Continuaremos insistindo nessa mensagem", acrescentou.

O Tottenham já está enfrentando fortes críticas por recorrer ao plano do governo de pagar com fundos públicos até 80% do salário de seus funcionários que estão obrigados a não trabalhar por causa da pandemia, quando o presidente do Spurs, Daniel Levy, arrecadou sete milhões de libras (8,7 milhões de dólares) na última temporada.

jdg/mw/mcd/aam

Esporte