Pato Basquete tem chance de ouro para derrubar gigantes do NBB em sequência

O Pato Basquete visita o São Paulo hoje (20) e pode seguir como uma das boas surpresas do NBB. O time paranaense tem cinco vitórias em nove jogos e já chegou à metade dos triunfos que conquistou em toda a temporada passada na liga.

A equipe de Pato Branco vem de vitória sobre o Franca, detentor do título brasileiro. Dessa forma, o time tem a oportunidade de bater os atuais campeão e o vice do NBB em sequência e entra em quadra com boas chances diante de um São Paulo em má fase.

São Paulo x Pato Branco começa às 20h (de Brasília) e terá transmissão do UOL. Todas as segundas-feiras, o canal do UOL Esporte no YouTube leva a você uma partida do melhor basquete do Brasil.

Reforço assume protagonismo

O Pato Basquete vem de três vitórias consecutivas diante de rivais paulistas. O time dominou o Mogi fora de casa e arrancou triunfos apertados contra Bauru e Franca no Ginásio do SESI.

O destaque no triunfo diante dos campeões foi Nathan Barnes. O norte-americano anotou 28 pontos, com quatro cestas de três, e liderou o Pato com assistência e lances livres decisivos nos minutos finais.

O norte-americano chegou junto ao Paulistano para se tornar uma referência no Pato. Único jogador acima dos 30 anos de idade no elenco, Barnes lidera o time em média de pontos e assistências por jogo.

O crescimento de Novaes também ajuda a explicar a alta no rendimento do Pato. O ala-pivô de 22 anos se destacou na última Liga de Desenvolvimento e voltou ao NBB evoluindo em todas as estatísticas principais — pontos, rebotes, assistências e eficiência.

Rival em crise

Miller e Siewert, do São Paulo, em partida pelo NBB
Miller e Siewert, do São Paulo, em partida pelo NBB Imagem: Miguel Schinchariol/São Paulo

O São Paulo está longe do nível de desempenho apresentado nas últimas temporadas do NBB. Vice-campeão em duas das últimas três edições, o Tricolor Paulista tem seis derrotas em sete partidas.

Continua após a publicidade

O clube paulista perdeu pela primeira vez para o rival Corinthians na história do NBB. A derrota por 81 a 78, na última terça (14), ainda foi a terceira no clássico apenas nesta temporada, já que o Alvinegro foi algoz na semifinal do Campeonato Paulista.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes