PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ronaldo ganha patrocínio de empresa de pôquer e será embaixador do jogo no Brasil

Ronaldo Fenômeno, ao lado do ex-atacante Reinaldo (d), em visita ao novo Mineirão  - Gabriel Duarte/UOL
Ronaldo Fenômeno, ao lado do ex-atacante Reinaldo (d), em visita ao novo Mineirão Imagem: Gabriel Duarte/UOL

Mauricio Duarte

Do UOL, em São Paulo

04/04/2013 19h53

Ronaldo será anunciado como garoto propaganda de mais uma empresa. O UOL Esporte apurou que o site de pôquer Pokerstars, o maior do mundo no ramo, escolheu o ex-jogador para ser o mais novo embaixador do jogo no Brasil. Os valores do patrocínio são sigilosos, como são o de todos os outros atletas e ex-atletas patrocinados pela empresa.

Ronaldo nunca escondeu que gosta de jogar pôquer, hábito que adquiriu nas concentrações quando jogava na Europa. Nesta quinta-feira, ele deu uma pista em seu Twitter do que estava por vir. “Tem mais esporte na minha vida. Agora é all in”, escreveu, fazendo alusão a uma jogada do pôquer em que todas as fichas são apostadas.

"Sempre busco entregar o meu melhor em tudo, no futebol e na vida. O pôquer é mais um desafio que me empolga: ler o jogo e os adversários e escolher o melhor caminho para vencer. Já há algum tempo venho descobrindo o jogo de pôquer e escolhi o PokerStars porque eles reúnem uma comunidade apaixonada pelo esporte. Além disso, conta com uma grande equipe de jogadores", disse Ronaldo ao blog oficial da empresa após o patrocínio ser confirmado. 

RONALDO: NOVO UNIFORME

  • Divulgação

Há anos a empresa tenta associar o pôquer a uma prática esportiva no Brasil. A chegada de Ronaldo tem justamente o intuito de ter um nome forte no Brasil ligado ao futebol, esporte mais popular do país. A empresa já tem como jogadores patrocinados o goleiro italiano Buffon, o tenista Rafael Nadal e o ex-tenista Boris Becker. 

Entre os compromissos de Ronaldo na nova empreitada, estará o de viajar para disputar torneios organizados pela empresa ao redor do mundo. De acordo com sua disponibilidade, o ex-jogador deverá disputar essas competições, a exemplo do que acontece com os outros patrocinados.

Em sua agência de marketing esportivo, a 9nine, Ronaldo tem como cliente André Akkari, principal jogador de pôquer no Brasil e também patrocinado pela Pokerstars, a mesma empresa que agora patrocina o Fenômeno. Vale lembrar também que ele é integrante do Comitê Organizador Local (COL) da Copa de 2014.

No país, ainda há uma resistência grande ao tema, ao contrário dos EUA e da Europa, onde o jogo é bastante difundido e praticado. No entanto, por meio de vitórias de brasileiros como André Akkari, campeão do mundo em Las Vegas, o pôquer ganhou fôlego em território nacional nos últimos anos.

Atualmente, Ronaldo conta com sete patrocinadores: Fiat, Claro, Hypermarcas, Brahma, Nike, Extra e Duracell. A Pokerstars será o oitavo.  Além disso, ele ainda tem contrato com o Corinthians para receber direitos de imagem até o fim de 2013.

Segundo foi anunciado na última quarta-feira, o "Fenômeno" também trabalhará nas transmissões dos jogos da Copa das Confederações, que acontecerá em junho, como comentarista da Rede Globo. É certo que comentará partidas nas quais Neymar, com certeza, Lucas, provavelmente, e Leandro Damião, talvez, estarão em campo. Os três são clientes da 9ine.

Parceira de Ronaldo ganha contrato de R$ 8 mi para estádio da Copa

  • Em outubro de 2012 uma reportagem do UOL Esporte mostrou que uma empresa parceira do ex-jogador Ronaldo, dirigente do COL, ganhou um contrato de cerca de R$ 8,5 milhões para um dos estádios do Mundial. A Marfinite Arenas fornecerá assentos da Arena Fonte Nova, que está na Copa das Confederações e no Mundial. A empresa foi contratada por meio de uma concorrência privada feita pelo Consórcio Arena Fonte Nova, composto pela Odebrecht e pela OAS. Não houve licitação porque a obra é tocada por meio de uma PPP (Parceria Público Privada). Tanto o COL quando a 9ine, agência de Ronaldo, negaram qualquer participação dele no negócio ou na elaboração de regras relacionadas a especificações de estádios. Fato é que o ex-jogador decidiu não se licenciar de suas funções na agência ao assumir o cargo no COL, no final do ano passado. Abriu mão de um salário e permaneceu na gestão da empresa. Meses antes de Ronaldo entrar no comitê, em setembro de 2011, a 9ine tornou-se a agência de publicidade da Marfinite Arenas. O principal motivo para a contratação foi a presença de Ronaldo. Leia a história completa aqui.

Esporte