PUBLICIDADE
Topo

Bia mostra confiança para o ouro no boxe: "Vai ser difícil tirar de mim"

Adriano Wilkson

Do UOL, em Tóquio

05/08/2021 02h46

Beatriz Ferreira está na final do peso leve do boxe feminino. A brasileira venceu a finlandesa Mira Marjut Johanna Potkonen por 5 a 0 na decisão dos juízes e garantiu a vaga para a decisão. Após a luta, Bia mandou o recado para a final do próximo domingo:

"Eu quero a dourada, vou brigar até o fim. Sou capaz, consegui, acreditei, tive as melhores pessoas ao meu lado para chegar até aqui. Agora vamos seguir adiante e subir no lugar mais alto do pódio para escutar o nosso hino", disse.

"É acreditar e brigar até o fim, vai ser difícil tirar ela de mim. Esse é o objetivo, treinei o tempo todo para isso."

A luta começou eletrizante, com a finlandesa partindo para cima já nos primeiros segundos, mas Bia conseguiu se adaptar rapidamente ao estilo da adversária e foi melhor no primeiro round para todos os juízes. A brasileira seguiu melhor no segundo round, vencendo por 4 a 1, conseguindo atingir em cheio a adversária em pelo menos três oportunidades. Nos últimos três minutos do combate, os golpes fortes de Bia continuaram encaixando bem, abrindo caminho para a vitória da brasileira para a final por decisão unânime (5 a 0) dos árbitros.

Na outra semifinal, a irlandesa Kellie Harrington teve uma luta morna com a tailandesa Sudaporn Seesondee e venceu por 3 a 2. Agora, Bia vai lutar a final do peso leve às 2h (de Brasília) deste domingo (8).

"Eu queria muito essa luta, a gente participou de alguns campeonatos, mas infelizmente não chegamos a lutar. Ela (Harrington) é campeã mundial, tem todo o meu respeito, admiro muito seu boxe. Estou bem ansiosa por esse espetáculo aí, vou brigar pela mãe de todas, que é a (medalha) douradinha", concluiu.