PUBLICIDADE
Topo

Santos

Sánchez volta com assistência após 100 dias na 'geladeira' no Santos

30/06/2022 10h00

Classificação e Jogos

O suado empate do time do Santos no duelo contra o Deportivo Táchira, em 1 a 1, marcou o retorno de um ídolo do clube que não entrava em campo há mais de 100 dias: Carlos Sánchez.

Carlos Sánchez tem contrato com o Santos até 22 de julho de 2023 e perdeu muito espaço neste ano. Ele entrou em campo apenas quatro vezes, a última ainda no Campeonato Paulista, contra o Água Santa, dois meses atrás, no dia 19 de abril. Após isso, foi relacionado em alguns jogos, mas não atuou.

A quinta participação do uruguaio em campo foi especial. Ele foi chamado pelo técnico Fabián Bustos aos 10 minutos da segunda etapa. O Peixe perdia por 1 a 0, mas, após assistência do camisa 7, o atacante Bryan Angulo mandou a bola para as redes.

"E 100 dias depois... Muito feliz em poder ajudar o meu Peixão dentro de campo. Agora é descansar para sábado, nosso próximo desafio. Obrigado minha família pelo apoio todos os dias. Amo vocês", disse o jogador em sua rede social.

Em entrevista à Rádio Sport 890, do Uruguai, o representante do atleta, Nelson Ferro, revelou a procura do Liverpool-URU e de outros clubes por Sánchez e afirmou que a tendência é a saída do jogador.

"É mais provável que Carlos Sánchez deixe o Santos. O Liverpool me perguntou sobre ele e concordamos em conversas nos próximos dias. Muito do coração dele pertence ao Liverpool. Ele não está feliz com sua situação esportiva. Tive contato com equipes do Brasil e de outros países. Ele é fez dentro de campo e hoje não está jogando", afirmou o empresário", afirmou o agente.

Apesar de não estar feliz com a situação, como o agente disse, Sánchez não deixou de se dedicar nos treinos e vem ajudando os jogadores mais jovens. Pessoas próximas dizem que o camisa 7 é feliz na cidade, mas, por conta da idade, gostaria de ter mais tempo em campo antes de se aposentar.

Aos 37 anos, Sánchez é o maior artilheiro estrangeiro da história do Santos, com 32 gols. Ele fez 145 partidas com a camisa do clube desde a contratação, em 2018. Seu contrato vai até julho de 2023.

Santos