PUBLICIDADE
Topo

Corinthians anuncia a devolução do atacante Yony González ao Benfica

14/07/2020 16h12

O Corinthians anunciou na tarde desta terça-feira que devolverá o atacante Yony González ao Benfica-POR, após o término no empréstimo no último dia 30 de junho. Os dirigentes corintianos decidiram não exercer a compra do jogador, já que ele não atingiu a meta de cinco jogos estipulada em cláusula contratual para que a contratação em definitivo se tornasse obrigatória.

Por conta da pandemia de coronavírus, Yony disputou apenas quatro partidas pelo Timão, todas no Campeonato Paulista. Caso quisesse ficar com o jogador, o Alvinegro precisaria efetuar a compra junto ao clube português, o que custaria 2,8 milhões de euros (R$ 17 milhões na cotação atual), valor que seria abatido dos 20 milhões de euros (R$ 121,6 milhões) da venda de Pedrinho.

Sem atingir a meta de jogos, o dirigentes corintianos passaram a reavaliar a compra, que era dita como obrigatória pelo próprio Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol do clube. Apesar de a comissão técnica querer contar com o colombiano, que vinha sendo cotado no time titular de Tiago Nunes, chegou-se a um consenso de que o melhor para o Corinthians seria a devolução.

Os elementos levados em conta foram a explosão do valor do euro desde que o contrato foi firmado, já que o clube gastaria R$ 4 milhões a mais somente com a variação cambial, e a grave crise financeira pela qual o Timão passa com três meses de salários atrasados para o elenco e perda de receitas na pandemia.

Yony González encerra sua passagem pelo Corinthians com apenas quatro jogos disputados, sem marcar gols e sem dar assistências.

Atualmente, para a posição do colombiano, o Timão também conta com Everaldo, Janderson, Matheus Davó e Léo Natel. No início da temporada, o clube chegou a tentar outros nomes para o setor como Michael (ex-Goiás), que foi para o Flamengo, e Rony (ex-Athletico-PR), que foi para o Palmeiras.

Confira a nota oficial do Corinthians na íntegra:

"O Sport Club Corinthians Paulista comunicou ao SL Benfica, de Portugal, o retorno do atacante Yony González após o fim do empréstimo.

No contrato do atleta, havia uma cláusula de compra automática após cinco partidas disputadas, sendo que, até o momento - por conta da paralisação causada pela pandemia do coronavírus -, González atuou em apenas quatro jogos. Em conjunto com a comissão técnica, a diretoria do Corinthians reavaliou a situação e decidiu não exercer a opção de compra.

Nesta terça-feira (14), ele realizou o seu último treino com o restante do grupo.

O Corinthians agradece ao colombiano pelos serviços prestados neste período com a camisa alvinegra e deseja sucesso no restante da sua carreira"

Futebol