PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Bruno Alves vê São Paulo melhor em 2020: 'O mais difícil a gente faz'

18/02/2020 11h57

O número de gols do São Paulo não evidencia uma grande melhora em relação a 2019: são seis gols em seis partidas no Paulistão, média de um gol por jogo, só um pouco melhor do que a média de 0,95 gol por jogo da temporada passada (foram 59 gols em 62 partidas, o que configurou o pior desempenho ofensivo da história do clube). O zagueiro Bruno Alves, porém, enxerga a equipe jogando muito melhor.

- Eu acredito que o mais difícil está sendo feito, que é envolver todo o time, envolver movimentos de zagueiro, goleiro, lateral, troca de posicionamento para ter essas movimentações no campo ofensivo. Nesse ano a gente evoluiu muito, está sendo mais agressivo, pisando mais na área, chegando com cinco na área. Acredito que quando os gols começarem a sair a confiança e a tranquilidade vão aumentar e as coisas vão fluir melhor - disse o defensor.

Há outros números que comprovam a evolução criativa do Tricolor nesta temporada: trata-se do time que mais finaliza no Paulistão, com 116 tentativas. O problema está na eficácia, já que são necessários cerca de 20 chutes para sair um gol.

Na segunda-feira, o São Paulo publicou em suas redes oficiais um vídeo com diversas chances criadas no empate sem gols com o Corinthians a partir de trocas de passes, algumas desde o campo defensivo, com participação dos zagueiros.

- O Diniz pede muita coragem. No jogo, às vezes acontece de ter um erro de passe, mas ele pede para continuar porque a gente vem treinando. Não adianta a gente treinar a semana inteira uma filosofia, chegar no meio do jogo e mudar. Não, a gente é fiel a esse estilo de jogo e está evoluindo.

- Esse é o caminho, está todo mundo remando para o mesmo lado. Diretoria, comissão e jogadores têm o mesmo objetivo, que é levar o São Paulo ao caminho dos títulos. A gente está evoluindo. Tem que melhorar alguns aspectos, mas tenho certeza que quando a bola começar a entrar a gente vai subir de nível.

O São Paulo volta a campo no sábado, às 16h30, contra o Oeste, em Barueri.

Futebol