PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Missão Bahia: Bota consegue gol fora contra Tricolor e vitória sobre o Leão

24/09/2018 07h05

O Botafogo deixou o Rio de Janeiro na última quarta-feira e viajou para a Bahia, onde teria dois importantes confrontos, contra os principais times do estado nordestino. A missão era difícil, mas o Glorioso, senão conseguiu o melhor dos cenários, pode tratar o panorama obtido, como positivo e pensar em bons horizontes daqui até o fim da temporada.

Na última quinta-feira, o alvinegro carioca enfrentou o Bahia, pelas oitavas de final da Copa Sul-americana. Em jogo disputado, com direito a expulsão de Léo Pelé, o Botafogo saiu derrotado, mas ainda com esperanças da classificação. Com o resultado de 2 a 1 e o gol marcado fora de casa, o Fogão pode vencer o Tricolor baiano no Nilton Santos pelo placar mínimo que conquista a classificação para as quartas de final.

Neste domingo, o saldo foi ainda melhor. O clube carioca que se via em situação desconfortável no Campeonato Brasileiro, perigando para entrar na zona de rebaixamento, venceu o Vitória fora de casa. Em partida realizada no Barradão, o alvinegro derrotou os rubro-negros por 4 a 3, de virada e agora respira novamente na competição na 11º colocação do torneio, com 32 pontos.

Nas duas partidas, as equipe mostrou um poderio ofensivo muito interessante, foram 21 arremates contra o Bahia e 11 contra o vitória. A vitória fora de casa no domingo foi também a primeira vez em que o alvinegro fez mais de três gols em uma partida no ano de 2018. O atacante Erik é uma grata surpresa da equipe alvinegra, e melhorou a qualidade do sistema de ataque do time de Zé Ricardo.

Mas se por um lado, o Botafogo não sofre com seca de gols nos últimos jogos, um alerta precisa ser ligado na equipe. Com os três gols sofridos contra o Leão, o Botafogo tem a terceira pior defesa do Campeonato Brasileiro, com 36 gols sofridos, empatado com outros três clubes. Um dos motivos pode ser a posição de goleiro da equipe, que é dividida entre Saulo e Diego, enquanto Gatito e Jefferson não retornam. Contudo, não é o único problema do sistema defensivo da equipe.

O Glorioso volta a campo agora no próximo domingo contra o São Paulo, no Nilton Santos, às 16h, pelo Brasileirão. O jogo da volta contra o Bahia pela Copa Sul-americana, também no Niltão, só acontece no dia 3 de outubro, às 16h.

Esporte