PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sylvinho vê Corinthians e Flamengo em "momentos bem diferentes", mas crê em bom jogo

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

29/07/2021 21h00

Depois de vencer o Cuiabá na última segunda-feira, o Corinthians terá uma pedreira pela frente. Neste domingo, às 16 horas (de Brasília), o desafio é contra o Flamengo, adversário que vem dando trabalho para o Timão nos últimos anos.

Nesta quinta-feira, o técnico Sylvinho destacou a dificuldade do jogo, principalmente pelos momentos distintos que as duas equipes vivem, mas ressaltou que está confiante em uma boa atuação dos paulistas na Neo Química Arena.

"Os jogos são sempre muito difíceis, o Flamengo é bicampeão brasileiro, com atletas de altíssimo nível, investimentos, atletas que estão ingressando na Europa. O campeonato tem mostrado um grau de dificuldade em todos os jogos. Tivemos um Atlético-MG com elenco também muito forte, time candidato a estar lá no alto da tabela e nós fizemos um jogo bastante firme, um jogo bem consistente, bem organizado. Depois, nós temos atletas com capacidade para definir. O Jô tem mostrado isso, o Gustavo cada vez mais, os nossos meias estão pisando na área", disse ao SporTV.

"Enfim, nós temos nossas armas. Nós estamos buscando o equilíbrio do time, são momentos bem diferentes de Flamengo e Corinthians, mas eu acredito em um bom jogo, na entrega, na organização, acredito que a gente possa performar diante de um adversário tão difícil quanto o Flamengo", completou.

O comandante evitou projetar qual deve ser a briga do Corinthians no campeonato, mas destacou que está contente com o que tem visto nos treinos.

"O que a gente pensa do campeonato é a cada rodada somar os nossos pontos, crescer, performar melhor, encontrar os atletas e cada vez mais ter facilidade no processo de construção. Nem sempre é fácil, mas nós temos que fazê-lo e a gente está trabalhando para que a gente acelere esse processo. Estamos felizes e contentes com o dia a dia de trabalho", finalizou.

No momento, o Timão está na 10ª colocação do Nacional, com 17 pontos. O Flamengo, por sua vez, está sexto, com 21.

Futebol