PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com elenco curto, Holan busca encontrar equilíbrio para o Santos ter "coesão"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

17/04/2021 08h00

Na sexta-feira, o Santos teve uma noite infeliz em Campinas e foi derrotado por 3 a 0 pela Ponte Preta, no Moisés Lucarelli. Pensando na estreia do Peixe na Libertadores, que acontece na terça-feira da semana que vem, Ariel Holan escalou uma equipe mista, preservando alguns titulares.

Na coletiva após a partida, o técnico argentino não escondeu que está preocupado com o condicionamento físico de seus jogadores. Holan destacou que o grupo do Peixe não é repleto de opções, sendo necessário encontrar o equilíbrio entre as competições que disputa.

"Temos um elenco curto, todos os jogadores têm que jogar. Estamos jogando a Libertadores e o Paulista, já jogamos quatro jogos de Libertadores e temos que ver como podemos equilibrar o time para podermos fazer partidas competitivas, da mesma forma como fizemos na Libertadores", afirmou Holan.

"Não é simples, temos que fazer alterações para que tenhamos uma equipe com coesão. Temos que encontrar um jeito de conseguir isso, ainda que seja muito difícil", completou.

Holan explicou por que substituiu Ivonei, no intervalo, e Kaio Jorge, no segundo tempo. A dupla voltou recentemente do departamento médico.

"Ivonei está voltando de uma lesão e lhe falta ritmo de jogo. A mesma coisa com o Kaio Jorge, que é muito importante. Os jogadores não podem correr riscos de lesão, porque temos um elenco muito pequeno e todos são importantes. O difícil é resolver se joga a base que vem jogando a Libertadores e quantas partidas aguenta jogar tantas vezes", finalizou.

Futebol