PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após sede ser alvo de operação policial, Barcelona garante colaboração com as autoridades

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

01/03/2021 13h44

O Barcelona foi alvo de uma operação da polícia nesta segunda-feira, relativa ao caso que ficou conhecido como "Barçagate". Quatro pessoas foram detidas, entre elas o ex-presidente do clube, Josep Maria Bartomeu. Em nota oficial, o Barcelona confirmou que sua sede foi alvo de buscas após determinação da Justiça e que vai colaborar com as autoridades.

"O Barcelona ofereceu a plena colaboração com a autoridade judicial e policial para esclarecer os objetos da investigação", esclareceu.

"A informação e a documentação requeridas pela polícia foram circunscritas, estritamente, aos fatos relativos a este caso. O Barcelona garante o máximo respeito pelo procedimento judicial em curso e pelo princípio de presunção de inocência das pessoas afetadas", completou.

O "Barçagate" foi um caso divulgado pela rádio espanhola Cadena Ser em fevereiro de 2020. Na ocasião, os dirigentes do clube foram acusados de contratar uma empresa para difamar a imagem de atletas do Barça, entre eles Piqué e Messi.

Futebol