Murilo diz que foi pênalti para o Palmeiras: 'Soco pegou na minha cabeça'

O zagueiro Murilo defendeu a marcação do pênalti do goleiro Rafael sobre ele no lance que originou o gol de empate do Palmeiras contra o São Paulo.

Murilo disse que recebeu um soco na cabeça de Rafael, que tentou cortar uma bola aérea e cometeu a penalidade, na visão da arbitragem. O pênalti foi marcado pelo árbitro Matheus Delgado com auxílio do VAR.

Foi um lance em que pulei antes e peguei a bola, ele veio dar o soco e pegou na minha cabeça, eu senti um golpe forte. Eu sou forte, então para cair, tem que ser um golpe forte. A equipe está de parabéns, lutou, fez um segundo tempo melhor que o primeiro, melhoramos nos duelos e chegamos ao gol. Murilo, zagueiro do Palmeiras, à TNT Sports.