'Gramado do Palmeiras apodreceu': Arnaldo Ribeiro analisa recados de Abel

Arnaldo Ribeiro comentou no Posse de Bola as declarações de Abel Ferreira em relação à grama sintética do Allianz Parque. Para ele, o técnico português acerta ao exigir a renovação do gramado e tem provocado o Palmeiras a melhorar os mínimos detalhes de sua gestão.

'Abel tem provocado o Palmeiras a melhorar': "O Abel é como se fosse um jogador de cartas que fica às vezes blefando, trucando muitas vezes. Quando ele fala das mazelas do Palmeiras, e elas existem, aí ele tem a chancela, porque a comunidade palmeirense só aceita quando eles mesmos tratam das coisas internas. O que o Abel faz e tem feito nessas últimas semanas é provocar o Palmeiras instituição para uma melhora para o ano que vem, que talvez seja essa a condição para ele ficar, já que ele tem contrato de mais um ano. Mas eu acho que ele não ficou totalmente satisfeito com o Palmeiras esse ano, porque mais que ele tenha errado também em alguns momentos, como na questão do Endrick, que é clara. Ele demorou para efetivar o Endrick, que ontem de novo sobrou, é impressionante a questão física e técnica do Endrick, ele é um jogador espetacular, ele destruiu o time do Fluminense, passava por cima dos caras, e o Abel demorou, sim, a encontrar a solução Endrick".

'Abel passou um recado claro': "Na cabeça do Abel, o Palmeiras não trabalhou bem esse ano também. Nesses discursos de lamúrias pra lá e pra cá, ele reforça o 'se não fosse eu, não ganharíamos', isso também é uma forma de valorizar o próprio trabalho. Tem duas questões nessa entrevista, o ano que vem em que o Palmeiras precisa ser mais forte em termos de jogadores, o time atual chegou num limite e o Endrick vai embora daqui a alguns meses, ele não estará na parte principal das competições, vai para o Real Madrid. Então, não só a ausência do Endrick, mas como a ausência de investimento no time de futebol, ele passa um recado claro. E passa um recado das coisas do dia a dia do Palmeiras, que é o time que trabalha melhor no Brasil, mas que tem essa questão, sim, não só da grama sintética do Allianz, mas a indisponibilidade do Allianz muitas vezes, do fato de o Allianz estar aberto para decisões com parte do estádio interditado por conta do palco do show, fica aquele tapume lá atrás".

'O gramado sintético do Palmeiras apodreceu': "A grama sintética do Palmeiras é o ótimo tema, mas o palmeirense só deixa a gente discuti-lo quando o Abel Ferreira vem falar da grama dele. Ele, ao dizer que prefere evidentemente a grama natural e dizer que entende a escolha do Palmeiras por uma questão econômica, ele simplesmente elucida a questão, a grama sintética é uma opção conveniente para os clubes e é uma opção economicamente mais interessante para os clubes. Não é uma opção melhor para o jogo, para o campeonato, para o esporte, é uma opção econômica interessante para o clube que determina essa situação. Ela não leva em consideração o campeonato em si e a questão das contusões sobretudo. E tem uma questão que ele coloca e está passando, a grama sintética do Palmeiras é ruim, é uma das piores do Brasil hoje. Quando ele fala em 10 anos de validade, é porque o gramado do Palmeiras apodreceu, o sintético. Não é só as pulseirinhas do jogo da Taylor Swift ou a cervejinha derramado no gramado, é que a grama está rala, dura, gasta. Chegamos no momento em que temos grama sintética ruim e isso é indesculpável, é isso que ele está colocando em questão. E ela proporciona maior risco de lesão, inclusive para os jogadores dele".

'Flamengo fez uma palhaçada': Mauro Cezar detona festa de despedida

Siga o UOL Esporte no

Mauro Cezar Pereira criticou a festa de despedida do Flamengo para Filipe Luís e Rodrigo Caio em um jogo decisivo da reta final do Brasileirão. Segundo ele, o Rubro-Negro deveria se constranger com o acúmulo de fracassos em 2023.

Assista ao Posse de Bola na íntegra

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora