Seleção feminina leva susto, mas vence Japão com golaço salvador no fim

A seleção brasileira venceu o Japão por 4 a 3 nesta quinta-feira (30), na Neo Química Arena, em amistoso internacional de futebol feminino.

Os gols do Brasil foram marcados por Bia Zaneratto (duas vezes), aos 41 minutos do 1º tempo e aos 18 do 2º, Gabi Portilho, aos 16 da etapa final, e Priscila, aos 52 do 2º tempo. Aoba Fujino, Jun Endo e Mina Tanaka balançaram as redes pelo Japão, aos 38 da etapa inicial, aos 41 e aos 43 do segundo tempo, respectivamente.

As seleções voltam a se enfrentar em amistoso no próximo domingo, às 11h (de Brasília), no Morumbi.

Como foi o jogo

O jogo começou equilibrado, com o Brasil buscando impor seu ritmo e o Japão apostando em contra-ataques eficientes.

Aos 38 minutos, as japonesas abriram o placar com Fujino, concluindo uma jogada que passou pelos pés de Endo, Miyazawa e Hasegawa.

A alegria das visitantes durou pouco. Aos 40 minutos, Gabi Portilho sofreu falta na entrada da área, e Bia Zaneratto converteu com maestria.

No segundo tempo, o Brasil não apenas virou o jogo, mas também construiu uma vantagem confortável. Aos 16 minutos, Gabi Portilho aproveitou uma falha de Kumagai, avançou em um contra-ataque e marcou o segundo gol brasileiro.

Continua após a publicidade

Pouco depois, aos 18 minutos, Bia Zaneratto roubou a bola de Kumagai, ficou cara a cara com a goleira e finalizou com uma cavadinha perfeita.

Com a gordura criada no placar, as donas da casa diminuíram o ritmo e permitiram que as asiáticas empatassem rapidamente. Aos 41 minutos, Endo converteu um pênalti para diminuir a diferença no placar. Logo em seguida, aos 43 minutos, Tanaka completou um cruzamento de Seike e igualou o placar.

Quando tudo parecia resolvido, Priscila brilhou aos 52 minutos. Recebendo um passe de Debinha, ela ajeitou para sua perna boa e acertou um belo chute no ângulo esquerdo para garantir a vitória do Brasil.

Ficha técnica
BRASIL 4 x 3 JAPÃO

Data: 30 de novembro de 2023, às 15h15 (de Brasília)
Local: Neo Química Arena, em São Paulo, Brasil
Árbitro: Maria Victoria Daza (Colômbia)
Cartões amarelos: Koga e Kumagai (Japão)
Gols: Bia Zaneratto aos 41' do 1ºT e aos 18' do 2ºT, Gabi Portilho aos 16' do 2ºT e Priscila aos 52' do 2ºT (Brasil); Fujino aos 38' do 1ºT, Endo (P) aos 41' do 2ºT e Tanaka aos 43' do 2ºT (Japão)

Brasil: Lelê; Bruninha (Angelina), Lauren, Rafaelle e Tamires; Ary Borges (Duda Sampaio) e Júlia Bianchi (Luana); Gabi Portilho (Adriana), Bia Zaneratto (Marta), Debinha e Gabi Nunes (Priscila). Técnico: Arthur Elias

Continua após a publicidade

Japão: Hirao; Shimizu (Tanikawa), Koga (Ishikawa) e Minami; Nagano, Hasegawa, Kumagai, Miyazawa (Nakashima) e Endo; Ueki (Tanaka) e Fujino (Seike). Técnico: Futoshi Ikeda

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes